Teonanacatl

Aqui discutimos micologia amadora e enteogenia.

Cadastre-se para virar um membro da comunidade! Após seu cadastro, você poderá participar deste site adicionando seus próprios tópicos e postagens.

Diário de cultivo em andamento.

Informação geral

Raça(s)
Jack Frost
Inoculação
30/04/2022
Inoculação via
Cultura líquida
Assepsia (Inoculação)
Ar livre
Spawn (Data)
20/05/2022
Aniversário
29/06/2022
Terrário
Caixa organizadora
Técnica(s)
Painço sem preparação, casing, pasteurização
Substratos
Turfa
Vermiculita
Fibra de coco
Pó de concha

Prefácio​

T.A.T Syndicate​

Sou um grande fã do T.A.T Syndicate, que pra quem não conhece é um grupo de micologistas que transcenderam na arte de isolar mutações e estabilizá-las. Alguns dos grandes nomes desse grupo incluem Jik Fibs, Dave Wombat, Nichy Myco entre outros que trabalharam juntos pra produzir cepas conhecidas no mundo todo como True Albino Teacher (TAT) e suas variações. Também são responsáveis pelos fenótipos de cubensis mais bonitos na minha opinião como Yeti, Gandalf e Ghost.

Vale dizer que o grupo é odiado em alguns círculos de micologia pelo preço que cobram dessas strains. Geralmente eles as distribuem em pequenos lotes por meio de leilões que chegam a lances bem altos. Pra ver a árvore genealógica oficial completa* é só clicar na miniatura:

05 - Yeti_00.jpg
*há atualmente mais ramificações, mas algumas linhagens são abandonadas/perdidas e se mantém na figura só as principais.

Jack Frost​

Da minha parte, como o @joaor sempre brinca, sigo na meta de capturar todos os pokémons raros... digo, cultivar todas as variedades exóticas e hoje é dia de Jack Frost.

Antes de falar dela, é necessário destacar que aqui no Brasil as cepas OG TAT e a Wombat TAT são trocadas e comercializadas sob o mesmo nome "TAT". Ainda que parecidas, a segunda tende a possuir um píleo de maior diâmetro e uma haste densa.

O criador Dave... wombat, decidiu dar mais um passo cruzando essa que é sua favorita com aquela que ele considerava a mais potente (APE) e depois de várias gerações alcançou uma versão estabilizada que batizou de Jack Frost. Vale destacar que "Frost" não tem qualquer relação com cultivo de inverno, mas sim é devido aos esporos do fruto maduro serem azuis como gelo. O mito que deu origem ao nome pode ser lido aqui.

O Cultivo​

Painço sem preparo​

Inspirado em técnicas como a apresentada pelo @Texugo neste post e pelo The Humble Fungus no laboratório dele tenho encerrado meus cultivos em PFTek e trabalhado apenas com painço branco. Dentre os grãos, o painço tem um preço mais salgado, mas a facilidade de preparo faz valer a pena.

A receita é simples e pra cada porção de painço adiciono metade do peso em água. Fiquem atentos aos rótulos dos grãos que comprarem, alguns pacotes recebem adição de produtos antifúngicos.

Inoculação 30/04
inoculação.png

Incubação 07/05 e 19/05
inoculação 2-3.png

Produção em Escala​

Pra quem é fã de monotube e/ou está se sentindo ousado o suficiente pra inocular grandes quantidades de grãos de uma só vez, recomendo esquecer o potinho e ir direto pro saco de cultivo de uma vez.

Segue-se a mesma proporção usada no potinho, mas desconto a quantidade de água usada antecipando o volume de cultura líquida que vou injetar. Ex: 1kg de painço + 420ml de água (500ml de água - 80ml de CL).

Os grãos expandem bastante durante a hidratação/cozimento dentro da autoclave. O bom do saco de cultivo com filtro é que eles não explodem, mas fiquem atentos quanto a outros recipientes.

Dia 1 (inoculação)** e Dia 21 (incubação quase completa)
mushroom bag.png
** Vão ficar alguns grãos colados no saco no primeiro dia. É recomendável que no dia seguinte se dê uns petelecos pra eles desgrudarem das paredes. Se isso não for feito aumenta-se o risco de contaminação.

Preparando o Substrato​

Por aqui uso a proporção de 2 porções de vermiculita pra cada 1 de turfa e 1 de pó de coco com adição de 5% de carbonato de cálcio em relação ao peso total. A água é no olho até atingir o ponto (úmido sem estar encharcado).

A pasteurização é no forno elétrico de uma forma bem parecida à exposta nesse post.
Boto o substrato dentro de um saco de cultivo, perfuro o fundo com o termômetro de espeto e vou controlando a temperatura (~70°) por duas horas.

Pasteurização 18/05
substrato.png

Casing

Com o pote todo colonizado é só abrir o lacre e misturar com os outros ingredientes.
Particularmente gosto da proporção de 1 porção de grãos pra duas de substrato, isso significa que um pote daquele ali de cima com 250ml de painço (~80g quando seco) é o suficiente pra duas marmitex de 500ml. Pra esse cultivo em específico fiz 1:1 por falta de espaço nos terrários.

Não fotografei a montagem, pois como o @Mortandello sempre diz, nossos celulares provavelmente estão mais contaminados do que nossas privadas. Espero que pelas fotos a seguir seja possível ter uma noção de como ficam após montados e incubados por 4 e 7 dias respectivamente:

Checagem do casing nos dias 24/05 e 27/05
casing.png

Aviso: Abri apenas pra fins de registro, mas não façam isso. Dá pra ver a quantidade de micélio que foi arrancada ao abrir a tampa pela segunda vez.

Pra quem seguiu o caminho de inocular uma bag toda, vai ter um pouquinho mais que um casing colonizado:

casing2.png

Frutificação

Flush (20/06)
Devido ao inverno que chegou cedo por aqui o micélio passou um bom tempo estagnado, mas rolou uma aquecida nos últimos dias e os pins finalmente deram as caras. Após 5 dias da pinagem, o Jack Frost se parece muito com um agaricus bisporus, não acham?

crescendo.png

2 dias depois da foto anterior e com o rompimento do véu, o corpo frutífero abre um grande píleo que cobre quase todo o casing

flush 00.png

As guelras inicialmente têm um tom perolado bonito e quando começam a esporular ficam completamente azuis. Infelizmente não espero os esporos aparecem e colho já nesse ponto:

flush 01.png

Nos primeiros flushes é comum que a colheita forneça algo entre 40g e 70g considerando uma marmitex como a minha de 500ml:

flush 02.png

Esse é meu primeiro diário por aqui, espero que tenha feito certinho e qualquer dúvida ou sugestão será muito bem vinda. Até o próximo flush!

Informação do Diário

Adicionado por
MarceloHirosse
Visualizações
118
Última atualização

Mais em Psilocybe Cubensis

Share this Diário

Top