PF Tek básica adaptada pela minha equipe para itens facilmente encontrados no brasil...

Ingredientes:

-Vermiculita
-Farinha de Sementes para Pássaros
-Copos com boca larga (tipo os de requeijão mas mais gordos e mais baixos)
-Papel Alumínio
-Desinfetante (no caso, Lysol, pode ser álcool)

ScreenShot001.jpg

A proporção que eu achei ideal no cultivo através da PF Tek foi a original, 1/2 vermiculita, 1/4 farinha , 1/4 de água, existem variações, fique a seu encargo, esta que uso me parece ser realmente sem falhas... Conforme a foto 2, temos 4 copos, para fazer facilmente o substrato basta usar 2 copos de vermiculita, 1 copo de água e 1 copo de farinha, existe uma margem de erro nisto obviamente, pois não estamos lidando aqui com quantidades precisas (olhe os ingredientes, não tem nada sobre balança ou medidores).

ScreenShot002.jpg

Misture os componentes, primeiro mistura-se bem a vermiculita e a farinha, depois acrescentamos a água.

ScreenShot003.jpg

A consistência é bem o que aparece na foto, é bem úmido mas não tanto e a tendência neste ponto de umidade são flocos de substrato, naturalmente aerada. Se acrescentar água demais a tendência é a formação de grandes blocos densos de substrato, nestas situações percebe-se que escorre água no fundo, o que quer dizer que tem mais água do que a vermiculita suporta conter, e isto é indesejável. Água de menos normalmente é fácil de perceber porque a vermiculita fica escura quando úmida e não forma estes flocos que falei sobre, mesmo assim é melhor água de menos do que água de mais. Tem duas fotos da mistura pronta, uma com flash outra sem para perceberem a cor e a textura da coisa... É fácil notar os "buracos" que servem para arear o substrato.

ScreenShot004.jpgScreenShot005.jpg

Coloque uma fina camada de vermiculita seca no fundo do copo, preencha-o com substrato até mais ou menos um dedo (precisamente será do tamanho adequado tal qual a agulha da seringa que for usar) da boca.

ScreenShot006.jpg

:teo_atencao: IMPORTANTE: Limpe as bordas de dentro e de fora do copo com um papel toalha e um bom desinfetante, agora preencha o que falta com vermiculita seca.

ScreenShot007.jpgScreenShot008.jpg

Para fazer a tampa de alumínio, a ideia é existir uma tampa permanente e outra removível, para a inoculação. Costumamos cortar três cubos de papel alumínio para cada copo, 2 folhas para a tampa que será permanente e 1 para ser retirada no momento da inoculação e recolocada rapidamente logo após o ato ser consumado. Mas este papo de inoculação e seringas já é outro departamento... Aqui é só sobre fazer bolinhos colonizáveis

ScreenShot009.jpgScreenShot010.jpg
Fonte
Autor: @Cygnus X 1
  • PF_Tek_Para_Brasileiros.pdf
    330 KB · Visualizações: 1,087