Completo 2º Cultivo TKSSS - Testando diversas formas

TryHard

Esporo
Membro Ativo
==================
DIÁRIO DE CULTIVO
==================

STRAIN: TKSSS
PROCEDÊNCIA: Seringa de Esporos adquirida online

---------------------------------------------
SUBSTRATO PARA COLONIZAÇÃO:
---------------------------------------------
No meu primeiro cultivo eu utilizei a PF Tek tradicional, seguindo todo o procedimento conforme receitado.
Dessa vez pretendo realizar alguns testes, pois fiquei muito curioso pelas demais técnicas que li ao longo dessas ultimas duas semanas aqui no forum.

Inicialmente fiquei interessado em testar o bolo PF Tek em um terrário de PET, assim poderia também contribuir para incentivar outros colegas próximos a mim a iniciar um cultivo mais simples.
Para esse método, inoculei um pote PP5 de 230ml com a receita padrão: Arroz Integral Triturado, Vermiculita e Água. (Vamos chamar de BOLO 1)

Fiz um outro bolo com essa mesma receita em um pote similar, porém maior (BOLO 2). Irei testar a diferença de tempo para colonização e os demais passos (frutificação e flushs).

(X) PF TEK (2V + 1FAI + 1A)
Selo com Vermiculita
(X) Sim ( ) Não

Além desse bolo, fiz outro em um copo de whisky substituindo o arroz por Trigo em grãos ("BOLO" 3).
Sim, eu espero que provavelmente isso não fique em formato de bolo e eu precise fazer um casing ou bulk, mas está dentro dos testes que mencionei que gostaria de fazer.
Acredito que qualquer que seja o resultado será válido para aprendizado, e creio que possa ainda vir algum flush nessa colonização.
OBS: Enquanto escrevia isso pensei: posso até tentar in vitro tbm, quem sabe...

(X) PF TEK ADAPTADA (2V + 1 TRIGO + 1A)
Selo com Vermiculita
(X) Sim ( ) Não

Dando sequência a série de testes, fiz também dois SPAWNs somente com os grãos de Trigo.
Esses spawns pretendo para fazer casing ou bulk.
Ainda estou estudando mais e pensando o que fazer com eles.
Tenho a minha disposição um balde que pretendo utilizar para fazer o bulk com esterco bovino.
Tenho a quentinha que posso fazer casing com vermiculita (ou comprar a fibra de coco, vende aqui do lado).
Tenho também potes de sorvete que posso fazer casing ou bulk dentro de um segundo terrário que contruí.

(X) SPAWN: Grãos de Trigo

Enfim, possibilidades existem várias, enquanto coloniza 100% eu estudo mais um pouco.
Mas pretendo tbm testar a técnica G2G para colonizar mais 2 potes, ao menos.

Peço sugestões dos leitores do forum para contribuir nesse cultivo!
Estarei atualizando a medida que os dias forem passando e trazendo os resultados.
IMG-20200515-WA0292.jpg

Método de preparação e esterilização do substrato:
A esterilização e inoculação foram feitos em dois dias diferentes, pois tenho apenas uma Panela de Pressão de 4,5l e não cabiam todos.
Foram esterilizados inicialmente os 3 copos que continham trigo no substrato: "BOLO" 3 e SPAWN 1 e SPAWN 2, fervendo durante 1:30h e depois 5h com fogo desligado para temperatura baixar a ambiente.
No dia seguinte o mesmo procedimento foi realizado o mesmo procedimento com os Bolos PF TEK: BOLO 1 e BOLO 2


-------------------------------------------------
INOCULAÇÃO: Data 16/05/2020
-------------------------------------------------
A inoculação se deu através de Seringa, 3 furos equidistantes com 0,2ml em cada um. Total de 0,6ml por bolo/spawn.

(X) Seringa Multiesporos

Glove Box?
( ) Sim (X) Não

Não tirei fotos do pote inoculado, fiquei com receio de contaminação.


Estado da Colonização em: 20/05/2020


BOLO 1:

IMG-20200520-WA0031.jpg

BOLO 2:
IMG-20200520-WA0030.jpg

"BOLO" 3:
IMG-20200520-WA0032.jpg

SPAWN 1: (O 2 estava bem próximo, acabei não tirando foto)
IMG-20200520-WA0029.jpg


Estado da Colonização em: 30/05/2020

BOLO 1 e 2

O BOLO 1 está espalhando bem fininho, enquanto o BOLO 2 está sendo espalhado aparentemente mais concentrado.
Creio que o BOLO 2 demore mais para colonizar 100% pois possui o dobro de volume. Não acredito que seja vantagem trabalhar com esse volume grande, mas era o pote que eu tinha disponível e queria fazer o teste. Quando tiver os frutos veremos o rendimento. (espero que não contamine -rsrs)
WhatsApp Image 2020-05-25 at 22.35.10.jpegWhatsApp Image 2020-05-25 at 22.35.24.jpeg
"BOLO" 3
WhatsApp Image 2020-05-25 at 22.34.53.jpeg

SPAWN 1 e 2

Tentei tirar a foto do SPAWN 1 somente da parte ainda não colonizada, uma vez que todo o restante dela já está.
No SPAWN 2 tentei tirar uma foto mais próxima para mostrar a "textura" das hifas e do micélio.
WhatsApp Image 2020-05-25 at 22.34.11.jpegWhatsApp Image 2020-05-25 at 22.34.35.jpeg

Estado da Colonização em: 30/05/2020


Substrato colonizado em: XX/06/2020


Dunk iniciado em: XX/06/2020



Procederei com o Roll em vermiculita mais fina, esterilizada em 3 sessões de 5min no microondas.
(Se tiverem outra sugestão, eu aceito)

-------------------------------------------------
TERRÁRIO: Data XX/06/2020
-------------------------------------------------
O terrário foi constituído por uma caixa organizadora de 29L, alguns furos nas laterais com micropore, lâmina de água e argila expandida.

Essa caixa estava quebrada em alguns pontos, acabei efetuando reparos com sacola plástica e cola quente. Depois dos testes com água ao fundo, não estava vazando.
Tentando evitar aumentar mais ainda a chance de contaminação, será realizada a limpeza com água sanitária, água quente, lysoform e alcool 70 (4 limpezas diferentes).
Mas tenho ciência que pode haver contaminação devido aos reparos efetuados.

IMG-20200521-WA0160.jpg

Além do Terrário 29L, pretendo também fazer um terrário de PET para o BOLO 1 ou "BOLO" 3
(Insiro a foto quando tiver mais próximo)


O BOLO 2 irá para o meu outro terrário que já se encontra com 3 bolos aguardando pinagem.
Esse terrário possui adicionalmente bomba de aquário e higrômetro:

IMG-20200519-WA0071.jpg No aniversário dos 3 bolos anteriores mencionados (19/05/2020)
IMG-20200521-WA0192.jpg 2 dias depois (21/05/2020)
(Me indicaram diminuir um pouco a umidade e aumentar a troca gasosa, me confirmem por favor)


Pretendo fazer um Bulk no Balde com o SPAWN 1

IMG-20200521-WA0169.jpg

Aberto a possibilidade de um Casing na Quentinha ("BOLO 3") ou Pote de Sorvete (SPAWN 2) para Casing ou Bulk
(Insiro a foto quando tiver mais próximo)


Data: XX/06/2020




---------------------
FRUTIFICAÇÃO: (Ainda no aguardo)
---------------------
Data do surgimento do PIN: ___ / ___ / ____
Temperatura do Terrário ________ °c
Umidade ________

Flush Data da colheita ___ / ___ / ____
Rendimento:________________________
Procedimento após colheita:
(Descrever detalhes, e inserir fotos)

Flush
Data do surgimento do PIN: ___ / ___ / ____
Data da colheita ___ / ___ / ____
Rendimento:________________________
Procedimento após colheita:
(Descrever detalhes, e inserir fotos)

3° Flush
Data do surgimento do PIN: ___ / ___ / ____
Data da colheita ___ / ___ / ____
Rendimento:________________________
Procedimento após colheita:
 

Anexos

Última edição:

Abzû

Aprendiz Psicopompo Metamórfico
Contribuidor
Opa, acho que vai dar certo ai!

Vou dar um pitaco aqui. É que talvez possa ser útil. Sobre a tampa que você está usando entre os bolinhos e a argila, eu fiquei com a impressão que ela possa atrapalhar o processo de deixar o clima umido na caixa, o lance da argila é que ela suga a agua e a ideia é que a parte exposta dela (a parte não submersa) manda a umidade pro ambiente, quanto mais argila exposta melhor pra transferir a umidade.
Acredito que tu possa baixar um pouco o nível da água, deixando de 50% a 70% da pedra exposta.

Agora sobre aquela tampa, eu estava olhando para a foto, e me passou a impressão que ela está bloqueando quase toda a camada de argila. O sinal de uma bom resultado são paredes da caixa úmidas, a caixa com paredes muito secas é indicativo que a transferência de umidade precisa mais atenção.

Acho que talvez seja complicado mexer no meio do flush, mas tu poderia tentar no próximo, ao invés desta tampa, uma tampinha individual para cada bolinho, como tampas de margarina por exemplo.

Sucesso ai irmão, achei os bolinhos com bom aspecto.
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Opa, acho que vai dar certo ai!

Vou dar um pitaco aqui. É que talvez possa ser útil. Sobre a tampa que você está usando entre os bolinhos e a argila, eu fiquei com a impressão que ela possa atrapalhar o processo de deixar o clima umido na caixa, o lance da argila é que ela suga a agua e a ideia é que a parte exposta dela (a parte não submersa) manda a umidade pro ambiente, quanto mais argila exposta melhor pra transferir a umidade.
Acredito que tu possa baixar um pouco o nível da água, deixando de 50% a 70% da pedra exposta.

Agora sobre aquela tampa, eu estava olhando para a foto, e me passou a impressão que ela está bloqueando quase toda a camada de argila. O sinal de uma bom resultado são paredes da caixa úmidas, a caixa com paredes muito secas é indicativo que a transferência de umidade precisa mais atenção.

Acho que talvez seja complicado mexer no meio do flush, mas tu poderia tentar no próximo, ao invés desta tampa, uma tampinha individual para cada bolinho, como tampas de margarina por exemplo.

Sucesso ai irmão, achei os bolinhos com bom aspecto.
Obrigado pelos pitacos, concordo com todos.

Sobre a tampa única imaginei que pudesse sim diminuir a umidade, tapando o fluxo das argilas, deixando passar apenas pelas laterais que estão com algum espaço.
Além disso, poderia também facilitar o processo de contaminação de um bolo para outro.
Devido a esses fatores estou estudando trocar nos próximo flush.

Sobre a quantidade de água, depois que eu coloquei e li mais no forum percebi que realmente estava acima do necessário.
Farei a mudança tbm no intervalo de flush.

Quando a umidade, conforme imagem abaixo, as paredes estão bem molhadas, acabei de tirar essa foto.
Tem uma bombinha de aquário no copo ali no canto auxiliando a troca gasosa e umidificação.

WhatsApp Image 2020-05-23 at 11.15.33.jpeg
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Não pude editar o tópico principal, então utilizarei esse para seguir com as atualizações.

Estado da Colonização: 30/05/2020

Tirei as fotos nos lados que estavam MENOS colonizados.

BOLO 1, 2 e "BOLO" 3
WhatsApp Image 2020-05-30 at 18.30.36.jpegWhatsApp Image 2020-05-30 at 18.30.54.jpegWhatsApp Image 2020-05-30 at 18.30.23.jpeg
O BOLO 2 tem o dobro do tamanho do BOLO 1, creio que vai demorar bem mais para colonizar, e como comentei anteriormente, não tenho interesse em fazer nesse tamanho novamente.

SPAWN 1 e 2
WhatsApp Image 2020-05-30 at 18.30.00.jpegWhatsApp Image 2020-05-30 at 18.29.40.jpeg


Estado da Colonização: 06/06/2020

SPAWN 1 e 2
WhatsApp Image 2020-06-06 at 09.59.51.jpegWhatsApp Image 2020-06-06 at 10.00.21.jpeg
Os bolos ainda não atingiram 100% de colonização e começou a aparecer umas manchar amareladas.
Creio eu que seja o "excremento micelial" (esqueci o nome correto).

BOLO 1, 2 e "BOLO" 3
WhatsApp Image 2020-06-06 at 10.01.23.jpegWhatsApp Image 2020-06-06 at 10.01.06.jpegWhatsApp Image 2020-06-06 at 10.00.44.jpeg
O Bolo 1 já está 100% colonizado, creio que 7 dias atrás também já estavam, mas deixei mais um tempinho para aniversariar para ver se fortificava o micélio. Irei colocar ele em um terrário de PET.
O Bolo 2 me surpreendeu bastante nessa última semana. Realmente eu não esperava que já estivesse assim tão colonizado. Creio que em uma semana eu aniversarie ele.
O "Bolo 3" também já está 100% colonizado, e eu ainda não sei o que farei com ele, se manter em formato de bolo ou desmanchar em um casing.


-------------------------------------------------
TERRÁRIO: Data XX/06/2020
-------------------------------------------------



---------------------
FRUTIFICAÇÃO: (Ainda no aguardo)
---------------------
Data do surgimento do PIN: ___ / ___ / ____
Temperatura do Terrário ________ °c
Umidade ________

Flush
Data da colheita ___ / ___ / ____
Rendimento:________________________
Procedimento após colheita:
(Descrever detalhes, e inserir fotos)

Flush
Data do surgimento do PIN: ___ / ___ / ____
Data da colheita ___ / ___ / ____
Rendimento:________________________
Procedimento após colheita:
(Descrever detalhes, e inserir fotos)

Flush
Data do surgimento do PIN: ___ / ___ / ____
Data da colheita ___ / ___ / ____
Rendimento:________________________
Procedimento após colheita:
 
Última edição:

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Estou na mesma situação que tu, sabe me dizer o porquê da vermiculita do casing estar sendo tomada pelo micélio?
É normal o micélio se expandir um pouco sobre a vermiculita, o problema é quando cresce demais, ai tem que tomar os devidos cuidados.

Pelos relatos que li no forum, pode ser umidade alta demais ou falta de troca gasosa (Excesso de CO2 / Ausência de O2).

No meu caso, eu passei a abanar meu terrário 3x ao dia e o micélio parou de expandir, desde então nunca mais tive esse problema novamente.

Mesmo eu usando a bomba de aquario, precisei abanar o terrário.
A minha ideia era ter um terrário automatizado, infelizmente não funcionou dessa maneira.
Inclusive descobri que a bomba de aquario não é necessária.
Meu segundo terrário não terá bomba de aquario, nem higrômetro.
 

Walechesky

Esporo
Membro Novo
Não tenho a bombinha, abano umas 5x ao dia, será que é o suficiente?
Muito legal irmão, teu diário ta sendo super útil pra mim. Continua postando que estarei acompanhando daqui 👊💀
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Olá amigos... Acabei de atualizar com o estado da colonização.

Alguém poderia dar algumas ideias?

Estado da Colonização: 06/06/2020

SPAWN 1 e 2
Ver anexo 114022Ver anexo 114023
Creio eu que seja o "excremento micelial" (esqueci o nome correto).
Acredito que seja interessante eu já partir para o casing/bulk, tirando a parte não colonizada, correto?

"BOLO" 3
Ver anexo 114024
O "Bolo 3" também já está 100% colonizado, e eu ainda não sei o que farei com ele, se manter em formato de bolo ou desmanchar em um casing.
Aceito sugestões.
 

Xaixoi

Hifa
Membro Ativo
"BOLO" 3
Ver anexo 114024
O "Bolo 3" também já está 100% colonizado, e eu ainda não sei o que farei com ele, se manter em formato de bolo ou desmanchar em um casing.
Aceito sugestões.
Amigo, tenho uma dúvida a respeito disso que você falou. Desculpe-me por fazer da sua dúvida uma outra dúvida, mas vamos lá... A questão é a seguinte, eu iniciei meu projeto de cultivo pensando em manter meu PF-TEK em bolo e colocar no terrário e assim esperar pela frutificação, mas depois que li sua mensagem fiquei com a dúvida (bem de iniciante): É possivel transformar um substrato já colonizado de arroz integral e vermiculita em de casing? Posso deixar de lado a ideia de bolos PF-TEK e ir pro casing, já que ele frutifica mais?

Grato!
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Amigo, tenho uma dúvida a respeito disso que você falou. Desculpe-me por fazer da sua dúvida uma outra dúvida, mas vamos lá... A questão é a seguinte, eu iniciei meu projeto de cultivo pensando em manter meu PF-TEK em bolo e colocar no terrário e assim esperar pela frutificação, mas depois que li sua mensagem fiquei com a dúvida (bem de iniciante): É possivel transformar um substrato já colonizado de arroz integral e vermiculita em de casing? Posso deixar de lado a ideia de bolos PF-TEK e ir pro casing, já que ele frutifica mais?

Grato!
Então...

Eu sou tão novato quanto você, mas pelo que li no forum até agora, a recomendação em geral é fazer os primeiros cultivos no PF TEK que é a técnica que costuma mais dar certo.
Ai você vai aprendendo sobre o ciclo dos fungos, etc, e depois parte para outra técnica.

Um amigo meu cultiva a 6 anos e prefere o PF TEK, segundo ele, para sua forma de cultivo e consumo, ele não precisa de uma produção tão grande, então não precisa se expor a outras dificuldades impostas pelas demais técnicas.

Eu, particularmente, gosto muito de fazer experimentações, então estou utilizando esse segundo cultivo para isso, mas manterei ao menos 3 bolos PF Tek sempre no terrário ou colonizando =D

Quanto a se pode desmanchar o bolo para fazer casing, pode sim (pelo que eu li).
Só não é o ideal, pois nesse volume não tem apenas substrato, tem tbm material que não é nutritivo e na camada de casing você vai acrescentar mais material não nutritivo.
Então pode ser que não apresente uma vantagem tão grande em fazer casing com Bolo PF TEK.
Mas isso aqui é meu achismo baseado no que venho lendo aqui no forum.
 

Imb

Esporo
Membro Novo
É normal o micélio se expandir um pouco sobre a vermiculita, o problema é quando cresce demais, ai tem que tomar os devidos cuidados.

Pelos relatos que li no forum, pode ser umidade alta demais ou falta de troca gasosa (Excesso de CO2 / Ausência de O2).

No meu caso, eu passei a abanar meu terrário 3x ao dia e o micélio parou de expandir, desde então nunca mais tive esse problema novamente.

Mesmo eu usando a bomba de aquario, precisei abanar o terrário.
A minha ideia era ter um terrário automatizado, infelizmente não funcionou dessa maneira.
Inclusive descobri que a bomba de aquario não é necessária.
Meu segundo terrário não terá bomba de aquario, nem higrômetro.
Cara, eu estava lendo sobre isso ontem a tarde. Aparentemente esse crescimento excessivo do micélio no seu "casing" de vermiculita pode ter acontecido pq vc manteve as condições de crescimento vegetativo numa época onde vc precisaria se preocupar com a formação de primordia.
Para "remediar" isso vc pode "arranhar" levemente as laterais do seu bolo e talvez até colocar mais uma camada de vermiculita mas CUIDADO PARA NÃO SER MUITO AGRESSIVO pois isso pode até aumentar a chance de contaminação. Para a formação de primordia vc ainda deve manter a umidade alta, só é interessante abaixar a umidade (para uns 80-90%) depois que o bolo já começou a pinar.
Essas informações eu peguei do livro "The Mushroom Cultivator" de Paul Stamets, é um livro muito bom.
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Dia 08/06 - Colonização completa

Vamos as considerações atuais...

Minha ideia com esse cultivo era testar diversas formas para ver o que caberia melhor dentro do que eu espero e o que eu estaria disposto.
Pois bem... Depois de ler diversos relatos, conversar com algumas pessoas, já fui chegando a alguns conceitos que provavelmente me caberiam.

Meu primeiro cultivo foi 3 bolo PF TEK que foram ótimos, acabei de tirar o 3º flush e deixei no terrário para ver se viria um 4º flush sem dunkar.
Até agora não veio, amanhã eu colocarei eles no dunk.

Como esses 3 deram tão certo para mim, decidi que o "BOLO" 3 iria continuar sendo bolo e não o desfiz para fazer um casing.
Ele saiu do copo inteirinho, no formato de bolo, sendo assim inseri ele no dunk, assim como o BOLO 1 e BOLO 2.
Dessa maneira, continuo com ao menos 3 bolos PF TEK (o "BOLO" 3 não foi utilizado arroz, mas sim trigo em grão).

Não tirei fotos dos bolos para evitar exposição a contaminação, mas estão no DUNK.
WhatsApp Image 2020-06-08 at 16.55.30.jpeg

Então, ainda tinha o SPAWN 1 e SPAWN 2, que eu pretendia fazer um BULK no Balde e o outro ainda não tinha decidido se bulk ou casing.

No meio do processo de esterilização em microondas (sim, sei que não é o ideal pra bulk, mas não sei a procedência real do esterco, então optei por isso mesmo sabendo das consequências), o meu aparelho queimou...
Começa aqui minha saga de problemas com o bulk/casing -kkkkk

Já criei um (pré)conceito que isso é mais trabalhoso e que eu não tou disposto a isso.
Muito provavelmente tem um risco enorme de contaminação no contexto todo como aconteceu e provavelmente isso vá me frustrar mais ainda -rsrs
Então, já aceitei que realizei esses testes e provavelmente não seguirei essa técnicas como minha principal.
Provavelmente se voltar a fazer novamente será só pra sair da rotina e fazer mais alguns testes.

Diante disso, nem tentei proceder com o G2G (que eu queria tbm testar) por diversos fatores: trabalhoso fazer casing/bulk, panela de pressão ocupada por bolos pf tek esfriando, entre outros.

Saindo do meu falatório, vamos ao que foi feito:

Num potinho de sorvete escuro eu coloquei Pó de Fibra de coco úmido no fundo, uma camada de spawn de trigo colonizada e outra camada de pó de fibra de coco úmido.
Acabei não colocando todo o spawn nesse pote pq achei suficiente pouco mais da metade do copo. Deixei um pouco para acrescentar no BULK que precisaria de mais spawn.
O SPAWN não colonizou 100% como mostrado nas fotos de postagens anteriores, então deixei a parte do fundo dentro do copo mesmo para evitar contaminação em substrato não colonizado.
WhatsApp Image 2020-06-08 at 16.40.18.jpeg
Fechei a tampa e guardei dentro do armário para terminar a colonização do casing.

O próximo foi o BULK no Balde.
Para isso utilizei na camada de bulk 70% de esterco e 30% de pó de fibra de coco.
Coloquei a camada de Spawn colonizado, assim como no outro deixei o fundo do copo não colonizado no copo, e adicionei o restante do copo anterior.
Coloquei uma camada superior de bulk e "tampei" com a touca descartável.
WhatsApp Image 2020-06-08 at 16.45.16.jpegWhatsApp Image 2020-06-08 at 16.46.45.jpeg

Mas e agora? Vou jogar fora aquele restinho não/pouco colonizado?
Claro que não.

Meti o loko e mandei um casing num potinho menor com pó de fibra de coco úmida sem esterelizar (meu microondas queimou)
Como o pote era transparente, enrolei ele com papel alumínio e coloquei no armário junto com o pote de sorvete.
WhatsApp Image 2020-06-08 at 16.51.13.jpeg

Tem chance de contaminar? Tem.
Tem chance de dar certo? Tem.
Como eu já iria jogar esse resto de spawn no lixo e não pretendo tão cedo fazer casing/bulk, então decidi "gastar" esse pó de fibra de coco mesmo.
Vai que... Se der certo tou no lucro, se não, tudo bem também!
 
Última edição:

Xaixoi

Hifa
Membro Ativo
Então...

Eu sou tão novato quanto você, mas pelo que li no forum até agora, a recomendação em geral é fazer os primeiros cultivos no PF TEK que é a técnica que costuma mais dar certo.
Ai você vai aprendendo sobre o ciclo dos fungos, etc, e depois parte para outra técnica.

Um amigo meu cultiva a 6 anos e prefere o PF TEK, segundo ele, para sua forma de cultivo e consumo, ele não precisa de uma produção tão grande, então não precisa se expor a outras dificuldades impostas pelas demais técnicas.

Eu, particularmente, gosto muito de fazer experimentações, então estou utilizando esse segundo cultivo para isso, mas manterei ao menos 3 bolos PF Tek sempre no terrário ou colonizando =D

Quanto a se pode desmanchar o bolo para fazer casing, pode sim (pelo que eu li).
Só não é o ideal, pois nesse volume não tem apenas substrato, tem tbm material que não é nutritivo e na camada de casing você vai acrescentar mais material não nutritivo.
Então pode ser que não apresente uma vantagem tão grande em fazer casing com Bolo PF TEK.
Mas isso aqui é meu achismo baseado no que venho lendo aqui no forum.
Muito obrigado!
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Muito obrigado!
@Xaixoi

Lembrei que tinha visto essa técnica em algum lugar, alguns nomearam de PF Casing.
Eu, particularmente, desisti da ideia, como mencionado acima -rsrs

Olhe esse tópico:
 

Xaixoi

Hifa
Membro Ativo
@Xaixoi

Lembrei que tinha visto essa técnica em algum lugar, alguns nomearam de PF Casing.
Eu, particularmente, desisti da ideia, como mencionado acima -rsrs

Olhe esse tópico:
Valeu, cara! Era o que eu estava precisando ler. 🍄
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Como postei anteriormente sobre os 2 Spawns, vou postar agora o aniversário dos 3 Bolos.

Aniversário DIA: 09/06

WhatsApp Image 2020-06-09 at 20.42.14.jpeg
O BOLO 1 era do mesmo tamanho que os 3 bolos do meu primeiro cultivo, então decidi colocá-lo na garrafa PET para tentar identificar uma possível diferença de produção.
Como mencionado, o ideal seria uma garrafa de 3L, utilizei de 2L e tive dificuldade para colocá-lo, assim como acredito que os cogumelos que nascerem nas laterais terão dificuldade de crescer.
Mas vou continuar com ele nessa garrafa mesmo pq é a única que tenho, e já que os cogumelos crescem até in vitro, espero que cresçam ai tbm.

WhatsApp Image 2020-06-09 at 20.42.32.jpeg
O BOLO 2 e o "BOLO" 3 foram pra o terrário que utilizei no cultivo anterior.
O BOLO 2 é maior, tem 500ml de volume, enquanto o "BOLO" 3 é menorzinho, foi feito em um copo de whisky e no lugar do arroz levou grão de trigo.

Provavelmente hoje (10/06) eu coloque de volta os outros 3 bolos do primeiro cultivo para ver se consigo o 4º Flush, eles estão no Dunk.
Mas estou receoso quanto a possível contaminação por enfraquecimento do micélio e acabar perdendo esses novos também.
Daí penso também em colocar esses 3 bolos em outro terrário sem bomba de aquário e sem higrômetro (já ficou claro que não são necessários). Provavelmente farei isso mesmo. Melhor evitar =D

Em breve trago mais novidades!
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Segue imagem do meu espaço que cultivo na sala.

WhatsApp Image 2020-06-10 at 12.55.45.jpeg

O terrário da direita tem a bomba de aquario e termohigrômetro, o da esquerda não.
No terrário da direita estão os bolos mencionados nesse meu 2º cultivo.
No terrário da esquerda (acabei de montar), estão os bolos do meu 1º cultivo que está indo para o 4º flush.

Em baixo temos um balde com o BULK (esterco e pó de fibra de coco) e Spawn desse 2º cultivo.
Ao lado temos um pote com humus de minhoca e uns PINS com micélio que foram retirados do 2º flush do 1º cultivo. (aparentemente o micélio está tentando expandir)
Logo em seguida temos o terrário PET com um BOLO proveniente do 2º cultivo, mas de tamanho igual ao do 1º.

Enquanto isso, ainda tenho um pote de sorvete incubando o casing, um pote menor incubando um bulk com resto de spawn pouco colonizado, e fiz um procedimento similar com o pins retirados desse 3º flush do primeiro cultivo.
Além disso, tenho 5 copos incubando com a strain Porto Rico, que está descrito no meu diário do 3º cultivo aqui no forum.

Espero trazer boas notícias daqui uns 4 dias.
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Segue imagem do meu espaço que cultivo na sala.

Ver anexo 114154

O terrário da direita tem a bomba de aquario e termohigrômetro, o da esquerda não.
No terrário da direita estão os bolos mencionados nesse meu 2º cultivo.
No terrário da esquerda (acabei de montar), estão os bolos do meu 1º cultivo que está indo para o 4º flush.

Em baixo temos um balde com o BULK (esterco e pó de fibra de coco) e Spawn desse 2º cultivo.
Ao lado temos um pote com humus de minhoca e uns PINS com micélio que foram retirados do 2º flush do 1º cultivo. (aparentemente o micélio está tentando expandir)
Logo em seguida temos o terrário PET com um BOLO proveniente do 2º cultivo, mas de tamanho igual ao do 1º.

Enquanto isso, ainda tenho um pote de sorvete incubando o casing, um pote menor incubando um bulk com resto de spawn pouco colonizado, e fiz um procedimento similar com o pins retirados desse 3º flush do primeiro cultivo.
Além disso, tenho 5 copos incubando com a strain Porto Rico, que está descrito no meu diário do 3º cultivo aqui no forum.

Espero trazer boas notícias daqui uns 4 dias.
Parabéns pelo cultivo.. Espero que todos sejam bem sucedidos...
 

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Dia 13/06:
Surge o primeiro pin no terrário PET.
Uma pena que aparentemente ele está apontado para baixo, bem na direção da argila expandida.
Mas vamos ver o que vai acontecer.

Gostei MUITO mesmo do terrário PET, deixei a tampa levemente enroscada para manter a troca gasosa.
Embora eu tenha lido que não é necessário ventilar, eu aperto a garrafa umas 3x ao dia para ajudar, não é algo que tá me trazendo um trabalho adicional durante o dia, já que eu paro ao lado para observar.
Mas gostaria muito de ver se realmente não fazer isso não causaria impacto no crescimento.

Quanto a umidificação, parece estar excelente, entretanto já percebi algo que eu faria diferente.
Eu deixei apenas 2 camadas de argila expandida, por falta delas em casa.
Com isso a água fica bem próxima (metade da primeira camada).
Nos próximo pretendo colocar umas 3 ou 4 camadas de argila expandida, além de usar garrafas de 3L como já mencionado.

WhatsApp Image 2020-06-14 at 08.23.54.jpeg

Meus 2 bolos PF TEK seguem no terrário, com o micélio expandido por cima do ROLL de vermiculita.
Diferentemente do 1º cultivo, esse eu venho abanando 3-4x ao dia, mesmo tendo a bomba de aquário.
Acredito que em 2 dias já devem aparecer alguns pins.

WhatsApp Image 2020-06-14 at 15.49.13.jpeg

Além desses, tem também o meu casing com pó de fibra de coco no pote de sorvete (1l):
Eu nunca fiz casing, e não sei qual é o momento ideal de levar ao terrário.
Se alguem puder me dizer como prosseguir, eu agradeço.

WhatsApp Image 2020-06-14 at 14.56.43.jpeg


Tem também o casing feito com o resto de spawn pouco colonizado, que em vez de jogar fora, decidi fazer um casing teste:
Aparentemente a colonizaçao não aumentou, e quando abri o pote senti um cheiro muito forte de "esmalte para unha".
Acredito que já era... terei de descartar.

WhatsApp Image 2020-06-14 at 15.55.49.jpeg

Tem também o Bulk no Balde:
Eu "vacilei" e não misturei o substrato (esterco com pó de fibra de coco) com o spawn, acabei fazendo 2 camadas de substrato e uma de spawn (similar ao casing)
Só me dei conta disso ontem, mas não sei qual seria a melhor maneira. Aceito sugestões tbm...
Como podemos ver na borda do balde, o micélio parece já ter expandido lá dentro, mas ainda não pinou nem colonizou em cima.
Como esse terrário fica "outdoor", em minha sala com iluminação solar indireta, não irá para terrário, então vou só deixar ai por tanto tempo quanto seja necessário.
Se houver algo que eu deveria fazer (umidificar ou qualquer coisa), me avisem.

WhatsApp Image 2020-06-14 at 14.59.19.jpeg



Eu tinha comentado que joguei os restos de pins pós-flush num potinho com uma mistura de bulk, mas até hoje não vingaram, eu decidi jogar esse esterco num pote de plantas.
Em breve sigo o exemplo do @ExPoro e farei um cultivo nesse vaso de planta previamente adubado -rsrs.
 

ExPoro

Psiconauta Apaixonado. Enteogenista Floyd-Gospel.
Membro Ativo
Mas gostaria muito de ver se realmente não fazer isso não causaria impacto no crescimento.
Afeta sensivelmente mas não pesadamente na produtividade. Ventilar é sempre melhor, mesmo que dispensável nas PETs.

Como esse terrário fica "outdoor", em minha sala com iluminação solar indireta, não irá para terrário, então vou só deixar ai por tanto tempo quanto seja necessário.
Se houver algo que eu deveria fazer (umidificar ou qualquer coisa), me avisem.
Esparge água nele 3x ao dia. Umas borrifadas boas pra umidecer tudo, sem enxarcar. Como está outdoor, a troca de ar já é perfeita. Só a umidade que pode ser melhorada.
 
Superior