Teonanacatl.org

Aqui discutimos micologia amadora e enteogenia.

Cadastre-se para virar um membro da comunidade! Após seu cadastro, você poderá participar deste site adicionando seus próprios tópicos e postagens.

  • Por favor, leia com atenção as Regras e o Termo de Responsabilidade do Fórum. Ambos lhe ajudarão a entender o que esperamos em termos de conduta no Fórum e também o posicionamento legal do mesmo.

Grãos de centeio - preparo (Versão 2)

Esta é uma outra versão mais simples e mais detalhada do tutorial trazido pelo @Anatman que pode ser visto aqui.

O centeio é um dos mais populares substratos para desenvolvimento de cogumelos no mundo. O modo de preparo dele é bem simples do que a maioria dos outros grãos por não ser tão grande e não ser tão duro internamente, deixando que o vapor da panela de pressão penetre melhor no seu interior.

10417494_662311640534224_4079450577088843787_n.jpg
Grãos de centeio crus

A primeira etapa do preparo é lavar os grãos em água corrente. De preferência numa peneira ou escorredor de arroz. Lave os grãos até que a água fique bem transparente, mostrando que não há mais resíduos.
Depois de lavados os grãos vão para uma panela com água até dois dedos acima dos grãos. Cozinhe em fogo baixo mexendo ocasionalmente. O Tempo total de cozimento varia muito dependendo da quantidade usada.

:teo_atencao: É importante lembrar que os grãos aumentam bastante seu volume depois de cozido, por isso tenha isto em mente para não se ter desperdícios.

Após 20 min cozinhando uma quantidade média (uns 400 ml de centeios crus), pegue um dos grãos na panela com uma colher e morda. Se você sentir ainda alguma resistência ao partir o grão com os dentes continue cozinhando. O ponto ideal é quando o grão fica macio mas ao mesmo tempo firme. O teste para ver a resistência do grão é amassá-lo com a ponta dos dedos. Se a parte interna do grão sair como uma pasta, você cozinhou demais - se o grão continuar inteiro e ficar um pouco amassado, é porque está tudo O.K.

:teo_atencao: Não esqueça de fazer essas verificações periodicamente enquanto cozinha pois pode passar do ponto muito rapidamente.

10420013_662311653867556_2115032858304974595_n.jpg
Grão de centeio cozido no ponto certo no escorredor de arroz

Após chegar no ponto correto, é hora da secagem. Não é recomendado que o centeio vá para os frascos molhados. Por isso é extremamente recomendado que eles fiquem secos. Você pode distribuir os grãos cozidos numa bandeja maior e usar um secador, ou um ventilador para acelerar o processo de secagem. Devem ficar secos até que você segure e não molhe sua mão. Não se preocupe, toda a umidade necessária para o desenvolvimento do micélio estará dentro dos grãos - os grãos absorvem bastante água no processo de cozimento.

Se bem secos como explicado acima, não será necessário uso de vermiculita no fundo dos frascos, até porque boa parte da umidade não cai para o fundo do frasco. Então caso queira se garantir com vermiculita misture ela nos grãos, mas é opcional.

Esterilize por 60 a 90 minutos numa panela de pressão e inocule normalmente.

IMG_1299.JPGIMG_1301.JPG
Grãos já esterilizados e inoculados

IMG_1454.JPG

Psilocybes galindoi no centeio

10714757_664558013642920_1205237824_n.jpg

Cambodians no centeio
Sobre o autor
PsychoEvie
PsychoEvie é um psiconauta apaixonado pela cultura, simbologia, tradição e os efeitos dos cogumelos psicodélicos na mente humana. Começou a estuda-los por volta do ano de 2012 inspirado pelo documentário "The Pharmacratic Inquisition" entrando de cabeça nesse mundo de mistério e deslumbramento.

Desde então se dedica a divulgar técnicas de cultivos e uso consciente, participando inicialmente da administração de um grande grupo sobre o assunto em uma rede social, e no ano de 2015 passou a fazer parte da equipe do fórum Teonanacatl.

Informação do Guia

Autor
PsychoEvie
Article read time
2 min read
Visualizações
5,867
Última atualização
Avaliação
5.00 strela(s) 1 avaliações

Mais em Produção de Substratos

Mais do(a) PsychoEvie

Share this guia

Back
Top