Principais mutações em Cogumelos

Pirata88

Primórdia
Membro Novo
Também creio nisso que tu falou, mas não contestei ela pq é bióloga, mas por outro lado não é micologista!!!!
 

Ecuador

Artífice esporulante
Administrador
Também creio nisso que tu falou, mas não contestei ela pq é bióloga, mas por outro lado não é micologista!!!!

Você pode verificar quais os pressupostos dela.

Tipo, ela está pensando em dois exemplares da mesma espécie? Que cresceram nas mesmas condições e mesmo local? Se for isso é provável que a resposta do MoKsha seja a correta. Se não, teria que estudar as possibilidades.


Creio que a teoria que diz que os cogumelos pequenos teriam maior porcentagem de princípio ativo é que a partir de certo ponto do crescimento a síntese de princípios ativo pára ou é muito reduzida. Então o cogumelo aumenta a massa total porém fica com a mesma quantidade de princípios ativos. Tenho que verificar qual é a fonte disso. Creio que há citações em um ou mais artigos a respeito.
 

MoKsha

Primórdia
Membro Ativo
Infelizmente, uma das coisas que mais tem é biólogo falando merda.

Esses dias tava lendo o livro da Sônia Lopes, que foi o que usei em biologia durante o ensino médio. É um livrão de quase 600 páginas, volume único. Aí me deparo com essa pérola:

'São exemplos de basidiomicetos os cogumelos do gênero Agaricus, apreciados como alimentos pelo ser humano, as orelhas-de-pau, e fungos prejudiciais à saúde humana, como o Amanita muscaria, o Amanita phalloides, cujo veneno pode até matar uma pessoa, e os do gênero Psilocybe, que produzem efeitos alucinógenos semelhantes aos do LSD, causando sérios danos ao sistema nervoso.'

É muita mentira e desonestidade intelectual num único parágrafo :/
Também me lembro, do ensino médio, um ponto da aula em que o Amanita se tornou pauta. O professor, vendo as brincadeirinhas do pessoal, não exitou em dizer que 'o Amanita é altamente tóxico e não pode ser comido'. Foda :/

Edit: Me lembrei agora até de uma comunidade do orkut, que tinha algo tipo 5000 biólogos anti-evolucionistas :/
 

Pirata88

Primórdia
Membro Novo
Você pode verificar quais os pressupostos dela.

Tipo, ela está pensando em dois exemplares da mesma espécie? Que cresceram nas mesmas condições e mesmo local? Se for isso é provável que a resposta do MoKsha seja a correta. Se não, teria que estudar as possibilidades.


Creio que a teoria que diz que os cogumelos pequenos teriam maior porcentagem de princípio ativo é que a partir de certo ponto do crescimento a síntese de princípios ativo pára ou é muito reduzida. Então o cogumelo aumenta a massa total porém fica com a mesma quantidade de princípios ativos. Tenho que verificar qual é a fonte disso. Creio que há citações em um ou mais artigos a respeito.
Ela falou abrangendo em todos os casos.
 

Psico_cyber

A whole universe in my mind
Membro Ativo
Esse gigantão é cubensis?
 

Texugo

Hifa
Membro Ativo
Esse cogumelo poder ser uma mutação?

Me parece dois cogumelos grudados um ao outro
Provavelmente má-formação.
As chances de você clonar ele e nascerem cogumelos "normais" são maiores do que a de uma mutação a nível genético.
Tive alguns cogumelos grudados em cultivo contaminado ou molhados diretamente, para mim são bem comuns.
Acho bem legal haha

Como parece gostar bastante de inovar e aprender coisas novas, uma clonagem em papelão poderia ser um bom aprendizado.
Não seria com objetivo de grande colheita ou melhor colonizador, mas testaria por conta essa diferença.
 

H4x0r

Esporo
Membro Ativo
Interessante, a contaminação causa uma má formação, li sobre mas não me aprofundei.
Percebi também a coloração dos chapéus, isso pode ser devido a contaminação?
 

Texugo

Hifa
Membro Ativo
Interessante, a contaminação causa uma má formação, li sobre mas não me aprofundei.
Percebi também a coloração dos chapéus, isso pode ser devido a contaminação?
Em um mesmo flush podem ter fenótipos um pouco diferentes.
De um flush para o outro percebi ainda uma maior diferença.
Não tenho referência para isso, mas empiricamente percebi nos meus cultivos.

Atribuo isso as condições de umidade/fae e mesmo a genética, que também tem influência no tamanho.
Por isso o ideal é selecionar o melhor cogumelo e clonar, para ter uma previsão melhor do resultado.

A contaminação pode potencializar essas diferenças pois é como se o micelio tentasse frutificar o mais rápido possível para assim garantir a liberação dos seus esporos.
Atualmente estou com 4 casing frutificando, o de clone está no 4 flush e o maior deles.
Foi feito com o maior cogumelo tirado de uma multiesporos.

Algumas strains que imagino ser fruto de mutação e seleção são a pf classic e penis envy.
Que dão frutos diferenciados, mas são pobres em liberação de esporos devido a isso.

Já a penis envy 6 é cruzada com texas e por vezes da cogumelos com aparência normal, o que o idealizador dela culpa a liberação precoce dos esporos nos bancos.
Então com pouca seleção dessa genética.
 
Superior