1º Cultivo Cubensis - Strain SYZYGY - PFTek

pedrocrf

Esporo
Membro Novo
Pessoal, boa noite a todos.
Depois da maravilhosa experiência que tive no primeiro uso dos cubes (comprados), resolvi que queria repetir isso, porém cultivando meus próprios cogumelos, se assim eles me permitirem.
Andei pesquisando muito sobre, primeiro assisti ao canal "Esporos no Ar" do Youtube, que creio ser de alguém daqui, e também li muitos artigos, guias e tópicos aqui do fórum.
Consegui um carimbo de uma pessoa muito boa em um grupo de cultivo no Watsapp chamada Diana, porém não tenho mais o contato dela para dizer o quanto fiquei agradecido, ela me doou, apenas paguei o frete, espero que ela acompanhe o fórum e possa ler isso. Sei que posso ter cometidos erros, vou tentar explicar o mais detalhadamente o que eu fiz, mas pra primeira vez acho que foi ok.

=======================================================================================
Strain: SYZYGY
Procedência: Doada por outra cultivadora

Substrato:

PF Tek padrão, 2V - 1FAI - 1A
Com uma fina lâmina de vermiculita seca na parte de baixo do copo e uma camada de selo de vermiculita seca em cima do substrato.

Inoculação foi ontem, 09/06/2020 por volta de 19h.
Está em uma incubadora de caixa térmica de isopor com um termostato de aquário dentro de uma garrafa PET com água, a 26º.
=======================================================================================

Os materiais que comprei foram:

- 2 seringas com agulha de 10ml
- Papel alumínio
- 6 copos de 260 ml de vidro (depois usei mais 1 copo de vidro que tinha aqui de uns 300ml)
- 1 caixa de isopor térmica
- 1 caixa organizadora de uns 36l
- 1 termostato de aquário (dos mais simples)
- 1 daquelas bombinhas de aquário para trocar o ar futuramente do terrário (compressora)
- 1 kg de arroz integral (não achei com casca)
- 100l de vermiculita (hahahaha eu agora tenho um saco gigante de vermiculita que vai durar uns 5 anos de cultivo creio, mas eu não achava a caixinha da Dimmy aqui e achei esse saco no OLX do lado da minha casa por 45 reais, nem pensei 2x, inclusive futuramente se tiver alguém no fórum do RJ, posso doar vermiculita sem problemas)
- Fita Micropore
- Fita Isolante
- Estilete
- 1 saco de argila expandida e 1 balde para depois esterilizar
- Borrifadoras, alcool 70, desinfetante com cloro spray, luvas de borracha.
- 1 Caixa de velas para flambar a seringa

Falta:

- 1 termohigrômetro para o terrário
- Sílica para secagem (ainda pensando em tentar secar com sal grosso e arroz depois)
- 1 balança de precisão
- Lã acrílica (pensando em fazer o terrário usando filtros de café)

Fases do meu cultivo:

Fase 1 - Seringa de esporos e hidratação (07/06/19)

Meu carimbo tinha +- 6 meses desde que tinha sido extraído, então lendo o fórum decidi hidratar eles na seringa por 48h. Primeiro joguei desinfetante no banheiro todo e deixei agindo por uns 5 minutos, depois coloquei máscara e luvas e fui ao banheiro trabalhar. Primeiro eu fervi água mineral (não achei destilada) até o ponto de ebulição e coloquei em um copo pequeno, esterilizei mais as seringas (que eram novas) com a própria água quente e também o copo, e esperei esfriar. Após esfriar, raspei os esporos jogando-os na água com uma tesoura esterilizada com alcool 70. Misturei bem puxando e colocando a água, depois enchi duas seringas, embrulhei no papel laminado esterilizado com alcool 70 e deixei 48h na geladeira (gaveta próxima ao freezer), virando ela frequentemente para não grudar.

Fase 2 - Substrato, montagem dos copos e bolos e esterlização em pp (08/06/19)

1 dia após começar a hidratar os esporos, iniciei a montagem dos copos. Fiz o substrato na proporção padrão de vermiculta, farinha de arroz e água mineral, misturei bem. Antes de por o subtrato nos copos, lavei eles bem com alcool 70 e após secar, coloquei uma lâmina fininha de vermiculita em baixo. Preenchi com o substrato até faltar 1 dedo, limpei a parte de cima do copo e preenchi com o selo de vermiculita. Eu não esterilizei a vermiculita no microondas, alguns colegas do grupo de cultivo me falaram que era desncessário pois iria para a PP depois.
Após a montar e lacrar os copos com papel laminado e fita isolante, coloquei todos na PP por cerca de 1h após ela pegar pressão. Ao fim deixei os copos descansando e esfriando por 1 dia.

Fase 3 - Inoculação e incubação (09/06/19)

Após 48h de hidratação dos esporos e com os copos totalmente frios, realizei o mesmo processo de esterilização do ambiente do dia de fazer as seringas, e inoculei os copos. Fiz 4 furos equidistantes em cada copo, inoculando cerca de 0,5ml em cada furo, cobrindo-os com fita micropore e depois recolocando a tampa extra de papel alumínio por cima.
Flambei a seringa a cada furo no fogo da vela. Após a inoculação de todos os copos, coloquei-os em uma caixa térmica de isopor com um termostato de aquário dentro de uma garrafa pet cheia de água a 26º, isso 09/06 por volta de 19h.

Agora irei esperar 20 dias para olhar os bolos.

- Considerações Finais:

- Irei atualizando o diário após verificar os bolos.
- Em anexo algumas fotos do processo e dos materiais que comprei.

- Acham que 48h de hidratação foi pouco ou foi suficiente para um carimbo de 6 meses?
- Eu flambei a seringa, mas fiquei com medo de que isso possa matar os esporos ali durante o processo, tendo em vista que a agulha ainda fica quente quando furei os copos, o que acham, faz sentido?
- O termostato é necessário na caixa de incubação? 26º é suficiente?
- Alguém conhece essa strain? Achei muito pouca informação sobre.

Obrigado a todos e espero que acompanhem!
 

Anexos

Nordemine

Hifa
Contribuidor
Sobre flambar a agulha, eu acho relativo, porque já fiz inoculação com e sem, e deram certo.

Só um toque jow, evita usar talheres de cabo de madeira. É um material propício à proliferação de bactérias. Além disso, com o tempo, a madeira cria sulcos que absorvem sujeiras difíceis de limpar, aumentando as chances de contaminação de alimentos...

Boa sorte!
Vou acompanhar...
 

pedrocrf

Esporo
Membro Novo
Sobre flambar a agulha, eu acho relativo, porque já fiz inoculação com e sem, e deram certo.

Só um toque jow, evita usar talheres de cabo de madeira. É um material propício à proliferação de bactérias. Além disso, com o tempo, a madeira cria sulcos que absorvem sujeiras difíceis de limpar, aumentando as chances de contaminação de alimentos...
Vlw irmão! Vou seguir sim suas dicas quanto a talheres, obrigado pelo toque.
 

izdihar

Hifa
Membro Ativo
Boa @pedrocrf parabens pela iniciativa ... Tudo no seu cultivo corre bem, tudo muito bem preparado.

Acham que 48h de hidratação foi pouco ou foi suficiente para um carimbo de 6 meses?
Com certeza é o suficiente, ja inoculei copos com carimbo de uns 6/7 meses tambem e deixei hidratando apenas 6h e correu tudo bem.

O termostato é necessário na caixa de incubação? 26º é suficiente?
Sobre isso depende muito da temperatura que faz no ambiente externo ... pra conseguir segura mais o calor dentro da caixa de isopor eu colei com fita isolante papel aluminio por dentro da caixa oque impede tambem a entrada de luz e o meu termostato eu deixo em 30° e consigo uma temperatura de 27/29° dentro da caixa.

Vou acompanhar seu cultivo (y) 🍄
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Pedro, acho que você segui os passos certinho e vai dar tudo certo. Também tinha essa dúvida sobre a agulha quente mataria os esporos, posso te afirmar que não, usei ela ainda quente pra ajudar a perfurar as tampas de plástico nos potes PP e ainda assim está dando tudo certo, acredito que quando a água passa pela agulha ela resfrie rapidamente, além de ser muito curto o tempo que o esporo passa dentro da agulha. Fica tranquilo. Só tenho uma sugestão neste momento, você precisa saber qual a temperatura do ar dentro da incubadora e não a temperatura da água na garrafa. Um termômetro com sensor externo resolve seu problema. Você deixa o visor do termômetro do lado de fora e o sensor dentro da incubadora. Aí você consegue regular a temperatura da garrafa para atingir a temperatura que você deseja.
 

pedrocrf

Esporo
Membro Novo
Boa @pedrocrf parabens pela iniciativa ... Tudo no seu cultivo corre bem, tudo muito bem preparado.


Com certeza é o suficiente, ja inoculei copos com carimbo de uns 6/7 meses tambem e deixei hidratando apenas 6h e correu tudo bem.


Sobre isso depende muito da temperatura que faz no ambiente externo ... pra conseguir segura mais o calor dentro da caixa de isopor eu colei com fita isolante papel aluminio por dentro da caixa oque impede tambem a entrada de luz e o meu termostato eu deixo em 30° e consigo uma temperatura de 27/29° dentro da caixa.
Então, eu moro no RJ e aqui tem feito de 22º até uns 29º ao dia, aí creio que deva estar mais frio então o ambiente? Eu li também alguns artigos dizendo que o bolo por sí já irá produzir algum calor e estará uns 3º acima dentro dos copos, setei 26º esperando que o termostato mantesse essa temperatura e os bolos ficassem em média a 29º, que seria uma temperatura ideal.

Pedro, acho que você segui os passos certinho e vai dar tudo certo. Também tinha essa dúvida sobre a agulha quente mataria os esporos, posso te afirmar que não, usei ela ainda quente pra ajudar a perfurar as tampas de plástico nos potes PP e ainda assim está dando tudo certo, acredito que quando a água passa pela agulha ela resfrie rapidamente, além de ser muito curto o tempo que o esporo passa dentro da agulha. Fica tranquilo. Só tenho uma sugestão neste momento, você precisa saber qual a temperatura do ar dentro da incubadora e não a temperatura da água na garrafa. Um termômetro com sensor externo resolve seu problema. Você deixa o visor do termômetro do lado de fora e o sensor dentro da incubadora. Aí você consegue regular a temperatura da garrafa para atingir a temperatura que você deseja.
Sim, eu vou providenciar o termohigrometro em breve e usarei na incubadora e também no terrário, é que com a pandemia que vivemos tá mais difícil pra encontrar tudo, eu penei pra achar o termostato e a compressora de ar aqui, e na internet o frete tá tão caro que n tá valendo a pena.

Irmão mandou muito bem comprando logo 100L de vermiculita... isso sim é visão...
Este é um dilema que todo cultivador de cogumelos passa kkkk
hahahaha quando o cara veio me entregar eu vi o tamanho e fiquei assustado, mas o preço vale MUITO a pena, aquela caixinha da Dimmy é absurdamente mais cara se você fizer as contas, eu basicamente não gastarei nada com vermiculita durante anos e só paguei 45 reais no saco.

Quer dizer, isso se eu continuar com os PFTek né, porque já li que na técnica de monotube se gasta muito mais vermiculita.
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Então, eu moro no RJ e aqui tem feito de 22º até uns 29º ao dia, aí creio que deva estar mais frio então o ambiente? Eu li também alguns artigos dizendo que o bolo por sí já irá produzir algum calor e estará uns 3º acima dentro dos copos, setei 26º esperando que o termostato mantesse essa temperatura e os bolos ficassem em média a 29º, que seria uma temperatura ideal.



Sim, eu vou providenciar o termohigrometro em breve e usarei na incubadora e também no terrário, é que com a pandemia que vivemos tá mais difícil pra encontrar tudo, eu penei pra achar o termostato e a compressora de ar aqui, e na internet o frete tá tão caro que n tá valendo a pena.



hahahaha quando o cara veio me entregar eu vi o tamanho e fiquei assustado, mas o preço vale MUITO a pena, aquela caixinha da Dimmy é absurdamente mais cara se você fizer as contas, eu basicamente não gastarei nada com vermiculita durante anos e só paguei 45 reais no saco.

Quer dizer, isso se eu continuar com os PFTek né, porque já li que na técnica de monotube se gasta muito mais vermiculita.
Fiz a mesma coisa. Comprei logo 100L de vermiculita, só tinha assim na Leroy Merlin da minha cidade.
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Só presta comprar assim, vale mais a pena que comprar fracionado. Aqui o litro tá de 5 reais, enquanto o saco de 100L custa 100 reais.
Comprei essa na Leroy custou R$ 56,00 e mais R$ 10,00 de frete pra receber em casa.
Fica a dica aí pra quem tem Leroy na cidade.
 

Anexos

izdihar

Hifa
Membro Ativo
Comprei essa na Leroy custou R$ 56,00 e mais R$ 10,00 de frete pra receber em casa.
Fica a dica aí pra quem tem Leroy na cidade.
Oloco :eek:
Ai vale a pena em, eu pago 15$ em 1L ... vou ver de comprar um arsenal desse ai kkkk
 
  • Curtir
Reações: fff

TryHard

Esporo
Membro Ativo
Oloco :eek:
Ai vale a pena em, eu pago 15$ em 1L ... vou ver de comprar um arsenal desse ai kkkk
Aqui eu tou pagando 10 reais em 2L
Tou usando pouco até...
Mas como agora já botei na cabeça que será somente bolos, provavelmente irei usar mais.

A não ser que o casing dê muito certo, ai posso mudar de ideia KKKKKK
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Esse é do tipo fino. Ouvi falar que não é tão bom quanto o tipo médio. Confere?
Infelizmente estou aprendendo agora e meu primeiro cultivo ainda está na incubadora. Acredito que em aprox 30 dias poderei falar com propriedade sobre minha experiência com esse S.Fino que acho ser super fino.
Segue o link do meu diário se tiver interesse em ver o resultado de um novato usando esse tipo de vermiculita S.Fino

1o Cultivo Golden Teacher (Novato)

Obviamente são resultados parciais mas acredito que estou sendo bem sucedido utilizando esse tipo de vermiculita. Da uma olhada nesse tópico
aí a cima.
 

ExPoro

Psiconauta Apaixonado. Enteogenista Floyd-Gospel.
Membro Ativo
Dimmy e essa de 100 L são vermiculitas finas.

Parabéns pelo cultivo.

Falta:

- 1 termohigrômetro para o terrário
- Sílica para secagem (ainda pensando em tentar secar com sal grosso e arroz depois)
- 1 balança de precisão
- Lã acrílica (pensando em fazer o terrário usando filtros de café)
Termohigrômetro é dispensável.

O mais importante aí é a balança, pra controle de dosagens.

Se não tiver sílica pra secagem e conservação, faz chá dos frescos e armazena no congelador as dosagens até o dia anterior da experiência.

E lã acrílica não é indispensável, mas é a melhor opção de filtro de ar. O filtro de café não permite muita troca gasosa, apesar de ser usado.

Acham que 48h de hidratação foi pouco ou foi suficiente para um carimbo de 6 meses?
Suficiente.

flambei a seringa, mas fiquei com medo de que isso possa matar os esporos ali durante o processo, tendo em vista que a agulha ainda fica quente quando furei os copos, o que acham, faz sentido?
Eu faço assim depois de flambar. Vira a agulha pra cima e dá uns tapinhas na bunda da seringa pra cuspir uns jatinhos curtos de água que vão resfriar a ponta até pararem de evaporar. Com a prática perde-se menos de 0,1 ml com cada flambada.
 

pedrocrf

Esporo
Membro Novo
Parabéns pelo cultivo.
Muito obrigado pelas dicas ExPoro, ajudou muito!


Galera, hoje depois de 6 dias de inoculado a curiosidade me venceu e abri a incubadora pra dar uma olhada.
Tem sinal de micélio em todos os copos, mas uma mancha bem pequenas ainda, na parte de cima dos copos.
Com certeza é micélio, mas muito pouco.
Em 6 dias o normal era ter desenvolvido mais?

Percebi também que o meu termostato apagou a luzsinha, não sei se está esquentando. Comprei o mais barato de aquário que tinha.
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Pedro, 6 dias e pouco tempo, já vi relatos aqui no fórum de bolos que começaram a dar sinal 15 a 20 dias depois de inoculado. Isso depende da temperatura, da variedade do micélio. Deixa eles quietinhos até fazer uns 14 dias. E na próxima vez tira foto pra mostrar pra gente.

Abração, e bons cultivos
 

izdihar

Hifa
Membro Ativo
Percebi também que o meu termostato apagou a luzsinha, não sei se está esquentando. Comprei o mais barato de aquário que tinha.
Boa Pedro, sobre o termostato o meu a luz se apaga quando a agua que esta na garrafa chega na temperatura que eu programei ... acho que a maioria dos termostatos deve operar dessa forma, oque vc pode fazer é colocar a mão na garrafa e vel a temperatura dela ... E sobre o micélio, espera um pouco mais, veja se o local que eles fica recebe luz, pra colonização é necessario escuro absoluto.
Faça igual o amigo disse, espere alguns dias e traga depois novidades com algumas fotos !
 
Superior