Diário de Cultivo ( Pleurotus Djamour ) na casa do Cris

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
Estou iniciando meu primeiro cultivo de cogumelos comestíveis desde o processo de obtenção no meio de inoculação.


Tecnica de Spawn para produção de grains a partir de milho.

Depois de consultar pessoas que trabalham na área segui os metodos que elas me passaram, adaptando pra minhas possibilidades domésticas.

Milho 8 horas de molho e muito bem lavado.WhatsApp Image 2020-06-23 at 13.41.41.jpeg

Potes de vidro preparados com furos na tampa.WhatsApp Image 2020-06-23 at 13.41.42.jpeg

Cozimento do milho por cerca de 30 min até amaciar levemente.WhatsApp Image 2020-06-23 at 13.41.42 (1).jpeg WhatsApp Image 2020-06-23 at 13.41.42 (2).jpeg

Tudo na PP por 1:30 h, tomando cuidado pra não tocar o fundo da panela (usei uma grade de alumínio improvisada. WhatsApp Image 2020-06-23 at 13.41.42 (3).jpeg

Esperei esfriar e inoculei em ambiente estéril, a partir de cultura líquida adquirida na internet. Está incubando em uma caixa de isopor com uma resistência pra manter a temperatura em torno de 28/30 ºC WhatsApp Image 2020-06-23 at 13.41.42 (4).jpeg

Em alguns dias atualizo o estado de incubação dos grão de milho.
 

diegosf

Esporo
Membro Ativo
Bacana! Usou milho de pipoca ou de canjica?
Aliás, que tipo de resistência é essa que está usando para o isopor? Estou buscando uma assim também
Abs e boa sorte!
 

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
Bacana! Usou milho de pipoca ou de canjica?
Aliás, que tipo de resistência é essa que está usando para o isopor? Estou buscando uma assim também
Abs e boa sorte!
@diegosf Eu usei milho pra galinha, ou milho de terreiro. Essa resistência eu fiz, usei a resistência de um ferro de solta antigo e fio de cobre, ai envolvi tudo com uma mola de aço e papel alumínio . Usei um potenciometro e timer de tomada pra desligar durante o dia e em alguns momentos da noite, isso ajuda a não esquentar demais, mesmo mantendo a temperatura razoavelmente é instável e pode esquentar demais dentro do isopor. Daí o timer ajuda nesse sentido ai, fica intermitente a troca de temperatura.

Cogumelos comestíveis.
Só progresso
Estarei acompanhando já que me interesso muito. Tenho vontade de cultivar shimeji🤩
Boa sorte @crisgumelo
✌🙏🍄
Estou experimentando essa técnica, vamos ver se rola. Encomendei algumas culturas líquidas de shitake, shimeji e Calocybe Indica.
Esse é o primeiro teste. O Pleurotus Djamour também é conhecido como Shimeji Salmão , ou Pink-oyster. O shimeji são cogus do genero Pleurotus. Se não estou enganado, "Shi"quer dizer Cogumelo comestível, e o "Meji" seria atribuido ao tipo de substrato onde ele se desenvolve, como em Shi-take. 🙏
 

fff

Hifa
Membro Ativo
show de bola, vou acompanhar, adoro o shimeji feito na culinária japonesa, sempre peço salmão com shimeji. Andei procurando na internet cultura líquida e como fazer para cultivar porém os shimeji que aparecem são diferentes dos que estou acostumado a comer com sushi. Os que como são pequenos e finos, já os que vi na internet são grandes e sem o “caule” fino, não sei qual é o shimeji que é vendido aqui nos sushibares de Fortaleza.
 

diegosf

Esporo
Membro Ativo
@diegosf Eu usei milho pra galinha, ou milho de terreiro. Essa resistência eu fiz, usei a resistência de um ferro de solta antigo e fio de cobre, ai envolvi tudo com uma mola de aço e papel alumínio . Usei um potenciometro e timer de tomada pra desligar durante o dia e em alguns momentos da noite, isso ajuda a não esquentar demais, mesmo mantendo a temperatura razoavelmente é instável e pode esquentar demais dentro do isopor. Daí o timer ajuda nesse sentido ai, fica intermitente a troca de temperatura.


Estou experimentando essa técnica, vamos ver se rola. Encomendei algumas culturas líquidas de shitake, shimeji e Calocybe Indica.
Esse é o primeiro teste. O Pleurotus Djamour também é conhecido como Shimeji Salmão , ou Pink-oyster. O shimeji são cogus do genero Pleurotus. Se não estou enganado, "Shi"quer dizer Cogumelo comestível, e o "Meji" seria atribuido ao tipo de substrato onde ele se desenvolve, como em Shi-take. 🙏
Caramba, mais complicado do que parece esse aquecedor! :LOL::LOL: acho que vou ficar nos comprados mesmo, tenho conhecimento nulo de elétrica e se pegar fogo aqui é GG pra mim. :LOL::LOL:
Na proxima cultura comestível vou tentar de eryngui, sabe? Dizem que é muito bom
 

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
Não recomendo que arrisquem nenhuma engenhoca dessas por isso nem explico muito como faço. Sou ex aluno de graduação em física e ja tive muitas aulas praticas sobre bobinas, resistências e o funcionamento dos sistemas elétricos em geral. Existem Modelos simples de fazer que podem ser mais potentes que os aquecedores de aquário,com um termômetro pra ter certeza, me funcionam muito bem. Hoje já fiz um outro por que aquela estava esquentando demais pro tamanho da incubadora.
Essa faz a troca numa área maior e com menos potência
WhatsApp Image 2020-06-24 at 20.17.39.jpeg.
A fita não é isolante, a solda fica por baixo, uso fita de papel só pra segurar o maço de fios.
 
Última edição:

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
Q isso irmão cuidado c isso aí velho kkkkk tu estudou física fico pensando o q teu professor ia achar disso mano


É cada uma meu Jesus rs


Crianças , não façam isso em casa!!!!
Ele provavelmente ia pensar que se eu tivesse continuado na graduação provavelmente teria dinheiro pra comprar um aquecedor decente ;)
O princípio da resistência elétrica pode ser aplicado à diversos materiais condutores e semi-condutores.
Se alguém for arriscar qualquer aparelho produzido em casarecomendo antes de tudo aprender sobre fusíveis de segurança e como usá-los na sua instalação elétrica.
Sempre pesquisem os riscos de qualquer circuito antes de ligar na tomada. Dito isso me reservo a mostrar as fotos das minhas engenhocas caseiras, mas funcionais.
Uma boa noite meus queridos!
 

JulioFerOli

Esporo
Membro Novo
Já cheguei a colher alguns shimeji branco aqui em casa. Usei palha como substrato, mas me parece que é pobre pra eles. Não desenvolveu bem.
Estou com serragem na PP nesse momento para o próximo cultivo.

Vc já decidiu o que vai usar de substrato?
 

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
Já cheguei a colher alguns shimeji branco aqui em casa. Usei palha como substrato, mas me parece que é pobre pra eles. Não desenvolveu bem.
Estou com serragem na PP nesse momento para o próximo cultivo.

Vc já decidiu o que vai usar de substrato?
Eu pretendo fazer com turfa ou semelhante, fibra de coco e café, corretivo de 1% sulfato de calcio. Tudo no saco PP.
 

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
O meu primeiro foi com palha pasteurizada com cal como corretivo. O micélio cresceu muito bem e rápido, mas a frutificação foi fraca.
O meu vai ser serragem, farelo e calcário, na PP também, pq com mais nutrientes deve contaminar mai fácilmente.
Eu prefiro ter mais nutrientes e cuidar da higiene redobrado pra que não haja contaminação. Quando você por em prática não deixe de registrar seu resultado, farei o mesmo.
 

crisgumelo

Esporo
Membro Novo
Olá a todos!
Dando uma atualizada: já inoculei 6 saquinhos com substrato, há 4 dias. tudo parece estar correndo bem. Enquanto preparo o espaço pra frutificação estão colonizando em caixas de papelão, 3 em cada. Hoje estou fazendo saquinhos maiores, consegui panelas maiores. Sigo atualizando com imagens e os relatos.
Estou usando uma tec mista, a colonização do substrato não se dará no mesmo local que a frutificação nem condições.
Ainda pretendo fazer mais spawn com um dos potinhos.
Por questões de facilidade escolhi fazer o substrato com fibra de coco e serragem, tudo nos saquinhos de assar e indo à pressão. Inoculando em ambiente sanitizado e o máximo estéril que posso preparar.
abraços
 

Anexos

sergiodonato

Esporo
Membro Novo
faz 3 meses que comecei com os shimejis. Antes disso nunca havia cultivado cogumelos....
Testei gramas", arroz batido no liquidificador, e cal.
Tb testei, paletes de pinus, +arroz e cal
Eu gostei do meio termo, parece que o substrato fica com espaço para trocas gasosas...
Espero postar um diario de cultivo.....
Uso cal, agua sanitaria e microondas para exterilizaçao.... tenho um balde com "isolamento" termico para deixar eles esfriarem lentamenta....
Com essas praticas tive 0 de uns 20 sacos de substratos feitos....
Faz 3 semanas que colho 2x por semana pelo menos uns 400gr cada colhida...
Abraços a todos do forum, material do caralho mesmo....
 

LoneWolf

Esporo
Membro Novo
show de bola, vou acompanhar, adoro o shimeji feito na culinária japonesa, sempre peço salmão com shimeji. Andei procurando na internet cultura líquida e como fazer para cultivar porém os shimeji que aparecem são diferentes dos que estou acostumado a comer com sushi. Os que como são pequenos e finos, já os que vi na internet são grandes e sem o “caule” fino, não sei qual é o shimeji que é vendido aqui nos sushibares de Fortaleza.
Eai irmão. O shimeji usado nas receitas geralmente (ao menos os que eu já comi) é o shimeji preto ou cinza, Pleurotus ostreatus. Eu não sei te explicar exatamente o porquê, mas eles são colhidos precocemente, quando ainda estão em formação, ficando em forma de "brotos".
Dizem até que os japoneses se referem ao cogumelo maduro como "funghi" e ao colhido antes do tempo como "broto"(não sei como é em japonês😂).
 

fff

Hifa
Membro Ativo
Eai irmão. O shimeji usado nas receitas geralmente (ao menos os que eu já comi) é o shimeji preto ou cinza, Pleurotus ostreatus. Eu não sei te explicar exatamente o porquê, mas eles são colhidos precocemente, quando ainda estão em formação, ficando em forma de "brotos".
Dizem até que os japoneses se referem ao cogumelo maduro como "funghi" e ao colhido antes do tempo como "broto"(não sei como é em japonês😂).
Obrigado parceiro, vendo nas fotos é esse shimeji cinza que costumo consumir, inclusive almocei com ele hj. É uma delicia feito na manteiga e shoyu. Mas não sei se vou conseguir cultivar fácil aqui em Fortaleza, minha temperatura média aqui parece bem alta para esse espécie de cogumelo. :(
 
Superior