Ajuda Com Pan Cyan

Mortandello

Mortandello Himself
Contribuidor
Ae no meu outro topico sobre paneoulus, eu nao consegui obter sucesso com a strain, fato que me causa serias paranóias, visto que - SOU FÂ DELES, DO CHEIRO DELES, DO GOSTO DELES.
Entao recebi um novo carimbo da strain, mas estou em duvida quanto o processo.
Devo repetir os mesmos procedimentos que no topico:
Guia de Cultivo Basico de Paneoulus Cyanencis

OU
Alguma Boa alma tem lido algo sobre o assunto e tem uma tecnica mais simples e avançada de cultivo de PANS?
eu fiquei 6 meses fora do mycotopia, e agora quando voltei tá cheio de cultivos de Pan lá.
Tanto que um broder mandou um carimbo de Pans pra eu testar novamente.
:confused:
agradeço - e vou usar esse topico pra indexar algumas pesquisas que eu fizer lá com os irmaozinhos dos EUA (y)
 

shroower

Artífice esporulante
Membro Ativo
Bicho, inocula esporos, assim evita o processo da cultura liquida que pode dar errada :)
Nunca se sabe exatamente o que está inoculando de uma cultura líquida, por isso eu sempre testo antes nuns potinhos pequenos pra não gastar um monte de substrato atoa!

Outra coisa, apesar da água oxigenada não matar o micélio bem estabelecido num bolo por exemplo, eu tenho sérias dúvidas de que não mata um monte de micélio na cultura líquida. Várias vezes que inoculei água oxigenada na cultura líquida quando inoculei o micélio não vingou. Eu acho que a cultura da cultura líquida é um pouco fraca pra isso, ela não é bem estabelecida e não deve produzir peroxidase suficiente pra quebrar a H2O2.

Eu vou receber uns carimbos de Pans. daqui uns dias e vou começar do bem simples, inoculando esporos em bolos PF. Depois de colonizados é um grande passo já, aí pretendo usar de spawn em esterco, composto ou palha pra ver no que dá. Em proporção alta, tipo 1 pra 1, o importante é dar uma dúzia de pans novos pra poder propagar hehe.

Abraço[]'s, boa sorte!
:pos:
 

Mortandello

Mortandello Himself
Contribuidor
Bicho, inocula esporos, assim evita o processo da cultura liquida que pode dar errada :)
Nunca se sabe exatamente o que está inoculando de uma cultura líquida, por isso eu sempre testo antes nuns potinhos pequenos pra não gastar um monte de substrato atoa!

Outra coisa, apesar da água oxigenada não matar o micélio bem estabelecido num bolo por exemplo, eu tenho sérias dúvidas de que não mata um monte de micélio na cultura líquida. Várias vezes que inoculei água oxigenada na cultura líquida quando inoculei o micélio não vingou. Eu acho que a cultura da cultura líquida é um pouco fraca pra isso, ela não é bem estabelecida e não deve produzir peroxidase suficiente pra quebrar a H2O2.

Eu vou receber uns carimbos de Pans. daqui uns dias e vou começar do bem simples, inoculando esporos em bolos PF. Depois de colonizados é um grande passo já, aí pretendo usar de spawn em esterco, composto ou palha pra ver no que dá. Em proporção alta, tipo 1 pra 1, o importante é dar uma dúzia de pans novos pra poder propagar hehe.

Abraço[]'s, boa sorte!
:pos:
oo micelio era bem ralinho, porém deram cogumelos totalmente diferentes de PAN
ainda desconfio que o carimbo era PAIA, nao PAN
esse segundo é garantido, ou tra fonte com cultivo reccente no mycotopia.

É acho melhor inocular direto, na epoca ainda tinha duvidas e tudo.
agora acho mais seguro mesmo inocular direto, se dnao der eu arrumo outro e outro.
só queria encurtar mesmo o processo.
no pf DIRETO eles nao vao legal.
tem que levar um aditivo de merda bovina ou cavalina ou bezerrina no processo.
:pos:
 
Editado por um moderador:

shroower

Artífice esporulante
Membro Ativo
É acho melhor inocular direto, na epoca ainda tinha duvidas e tudo.
agora acho mais seguro mesmo inocular direto, se dnao der eu arrumo outro e outro.
só queria encurtar mesmo o processo.
no pf DIRETO eles nao vao legal.
tem que levar um aditivo de merda bovina ou cavalina ou bezerrina no processo.
:pos:
Vou dar uma misturada disso no bolo quando for fazer então :seta: :luz:
 

figurinha

Amor decompositor
Contribuidor
Estes garotos Cyanescens são mais difíceis mesmo, tabém sou fãn deles, mas ainda não os cultivei, pelo que li, eles frutificam melhor em estrume, o que como nosso amigo Shroower falou caberia muito bem para este cultivo, spawns em bosta, ou faça om bolo de "cocô", como eu, inocule direto nele...
Acho que dá certo pra Copelandia Cya...
Abraços meu velho e Sorte pra vc!
 

Banutukku

Cogumelo maduro
Membro Novo
Você pode iniciar por uma seringa de esporos mesmo, como no cultivo de cubensis.

Acredito que o melhor substrato pro cultivo de Pan seja o utilizado pelo Waylit's do Mycotopia, que é uma mistura de Esterco Equino+Vermiculita+FAI+água, a temperatura de incubação é a mesma do cubensis.

Tive experiência positiva com milho de pipoca, utilizando os mesmo parâmetros do cultivo de cubensis, a diferença foi no casing, onde fiz uma mistura de esterco equino, vermiculita, pó de casca de coco, palha junkai e água. Essa mistura deve ser pasteurizada, e não esterilizada. Utilizei esterilização por submersão.

Os flushes foram pequenos, e os cogumelos atingiram um tamanho menor que o normal. Acredito que o substrato de milho de pipoca não seja o mais adequado pro cultivo dessa espécie, o único caso que conheci de cultivo partindo do milho que gerou flushes fartos foi de um usuário do Mycotopia que partiu de um substrato de milho fresco, e não em grãos secos.
 

Ix Chel

Cogumelo maduro
Membro Ativo
Alien Onde está vc irmão?
Poxa, volta logo..:(
 
M

Mauricio

Visitante
fala banutukku

O esterco bovino pode ser usado em substituição ao equino ?
 

clestinho

Cogumelo maduro
Membro Ativo
eaii alienardo, ainda tenho 1 print do Panaeolus cyanescens "Cull, New South Wales, Australia". vou acompanhar seu cultivo e logo começarei o meu, desde então o que eu penso é inocular os esporos no milho e preparar um casing com apenas esterco bovino/equino e fibra de coco, estou tendo otimo resultado com o cubensis.

me lembrei que quando ganhei o print, recebi um saco de substrato, pronto para ser usado em bolo PF era o mesmo substrato tanto para o mathias romero quanto pro panaeolus...
 

PatoRambo

Hifa
Membro Novo
ae, sera q teria como pegar o desse kra aki
e conseguir dar uma simplificada no bulk, como por exemplo colonizar esses grão pra passarinho em um pote com seringa de esporos tipo com uma camada de proteção de vermiculita ou casca de coco em cima e dps de colonizados colocar o bulk por cima no mesmo pote, abrir so pra botar a cobertura cos nutrientes la tipo a palha la ca merda pasteurizada e umas aeradas tipo casca de coco ou vermiculita
tipo o bulk no casing teria n? se desse certo economizaria ficar mexendo nele evitando contaminar, pq mexer nele e tenso!
tipo nuns processos mesmo d produção em larga escala q eu vi por ae no forum, q eles frutificam direto no vidro
ficaria menos tenso o processo xD
em um pote daria ate pra fazer a transferencia dentro d um saco plastico e talz
alguem ja penso nessas parada? tipo mover o bulk na semente em vez de mover o grao(semente) pro bulk
pq poxa, na natureza eles tem micelio mor ralinho parece, um pote d palmito c desse uns 9 ja dava pra 2 pessoas facil xD

http://www.shroomery.org/8694/Panaeolus-Species-Cultivation

Gostei da simplicidade da técnica e dos resultados obtidos, sem cultura líquida. Relativamente simples. A foto abaixo mostra os resultados:

Ver anexo 55493
 

Turk0lok0

Hifa
Membro Novo
alguém com experiencia em identificação de micelio...eu usei uma estipe de panaeolus proximo ao pileo...e está assim com 5 dias...sei q tem contaminação..estou tentando domesticar um selvagem...porém há algum sinal de existencia de um panaeolus ou simplesmente é só contaminação q existe aí?? em anexo a foto após 5dias.
 

Anexos

Cosmik

Fractal Ambulante
Membro Ativo
conseguir dar uma simplificada no bulk
Só faltou deixar o seu texto mais inteligível. Me desculpe, mas não entendi nada do que você quis dizer.

alguém com experiencia em identificação de micelio...
Está para nascer o micólogo que consegue identificar espécies de fungos apenas por foto do micélio via internet. :rolleyes:

Caro forista, se coloque na posição de quem tenta solucionar a sua dúvida... É um tanto hardcore, não acha? Sugiro que você faça um diário e/ou detalhe melhor todos os processos de domesticação da espécie em questão.
 
Superior