Teonanacatl

Aqui discutimos micologia amadora e enteogenia.

Cadastre-se para virar um membro da comunidade! Após seu cadastro, você poderá participar deste site adicionando seus próprios tópicos e postagens.

Microdosagem e cerveja

Matus

Hifa
Afiliado
21 Mai 2016
Mensagens
93
Reputação
0
Reações
65
Pontos
13
Olá, boa noite!

Sei que a regra geral é não consumir álcool com psicodélicos. Ainda assim, alguém sabe dizer se é extremamente não recomendado consumir uma microdosagem (cápsula 200mg) e beber cerveja? Deixando claro que não se trata de beberragem e passar a noite enchendo a cara. Falo de consumir uma dosagem baixa de cogumelos e continuar o dia ou a noite fazendo mais ou menos as coisas que tinha planejado, já que não é uma dosagem alta. Então, por exemplo, depois da janta, beber um copo de cerveja ou dois no máximo, totalizando uns 500ml de cerveja, será que tem algum problema ingerir uma cápsula com 200mg de cogumelos?
 

Texugo

Hifa
Membro da equipe
Cultivador Confiável
Afiliado
2 Mai 2019
Mensagens
586
Soluções
4
Reputação
0
Reações
2,094
Pontos
6
Problema não tem.
Mas não vejo motivo pra tomar 200mg e beber álcool ao mesmo tempo.
Se está utilizando microdoses, pode deixar para outra hora.

Se está querendo potencializar os efeitos, 200mg é praticamente imperceptível.
 

Matus

Hifa
Afiliado
21 Mai 2016
Mensagens
93
Reputação
0
Reações
65
Pontos
13
Problema não tem.
Mas não vejo motivo pra tomar 200mg e beber álcool ao mesmo tempo.
Se está utilizando microdoses, pode deixar para outra hora.

Se está querendo potencializar os efeitos, 200mg é praticamente imperceptível.
Obrigado pelo retorno! Poxa, depois que escrevi me recordei de um evento. Eu sempre esqueço dele porque na minha memória parece que foram em dias diferentes, mas não! Eu saí depois do trabalho para beber com um amigo. Eram cervejas artesanais. Uma mais amarga que a outra, nossa sra =S mas eu gosto! kkk E sem contar que são menos prejudiciais, comparando com cervejas 'super populares', que são feitas com arroz, milho e quase nada de cevada, lúpulo, malte. Enfim, isso é outro assunto rsrs O ponto é que bebi um bocado. Não passei mal. Estava bastante animado e até meio tonto. Mas bem, completamente bem. Cheguei em casa e não sei por quê decidi que iria comer os 2g de cogu que tinha dos 4g que tinha encomendado. Foi simplesmente sensacional. Teve um intervalo, claro. Eu parei de beber, fui embora, cheguei em casa, tomei banho, esperei minha mãe dormir (morava com ela ainda), depois comi os cogus. Pelo menos uma hora desde parar de beber até ingerir os cogus. Tive impressões muito vívidas. Tive a sensação de que meu corpo se transformava em um inseto. Primeiro senti a cabeça alta. A parte de trás estava alongada como a do Alien do filme Alien mesmo. Mas meio que para cima, como a cabeça de Nefertiti. Depois comecei a sentir que meu corpo era um inseto. Não sabia se uma mariposa, uma libélula, uma barata, uma borboleta. Por falta de precisão digo que virei uma mariposa. Era uma sensação vívida. Tinha um sentimento de alegria indescritível. Geralmente associo isso - num nível físico - à cogumelos beeem conservados, douradinhos e sequinhos, sem estarem borrachudos. De repente é a psilocibina mesmo bem conservada, enfim. Eu ria muito..de dentro do meu ser e um bem estar indescritível. Curioso é que sempre esqueço que foi depois de beber várias cervejas. Claro que não era Antártica, nem Bhrama rsrs (nada contra, até porque também bebo quando só tem ela). Penso se uma boa cerveja, não só pelo álcool, mas pelas matérias que a constituem, se ela pode ser menos danosa para o corpo. Então assim, realmente, 200mg é muito pouco para ter efeitos assim, certo? Não que eu vá repetir a experiência, mas de 1g para cima deve ser melhor?
 
Superior