Teonanacatl

Aqui discutimos micologia amadora e enteogenia.

Cadastre-se para virar um membro da comunidade! Após seu cadastro, você poderá participar deste site adicionando seus próprios tópicos e postagens.

Fumar Cogumelos: Desperdício

ExPoro

Psiconauta Apaixonado. Enteogenista Floyd-Gospel.
Cultivador Confiável
Cadastrado
14/04/2015
Mensagens
3,191
Soluções
1
Reputação
29
Pontos de reações
8,724
Pontos
49
Fiz hoje o experimento de fumar 1,9 gramas de cogumelos moídos, divididos em dois cigarros enrolados. Apesar das supostas (e paranoicas) contraindicações por conta de esporos, eu francamente não vejo muita relevância nisso, nem vejo como pode um cogumelo seco de cultivo ter tantos esporos assim, e tampouco acho que haja qualquer chance dos esporos de cubensis fazerem mal. Enfim...

Fiz com o cogumelo moído puro, sem misturar erva ou outra coisa, para não confundir efeitos. E taquei fogo, já na expectativa de que ou não sentiria nada ou sentiria apenas uma coisa leve.

De fato, posso descrever que transformei 1,9 gramas orais em 0,010 gramas orais ao fumar. Quero dizer que os efeitos são de uma leve microdose em alguma coisa, alguma euforia de início, uma suave embriaguez. Mas francamente, nada que compense tentar fumar aquele cigarro que não carbura nunca, que a fumava não é suave, apesar de um pouco doce. E dá-lhe tempo com o isqueiro acesso pra ver se carbura...

O quarto ficou totalmente com cheiro de cogumelo. Pena que a marola de cogumelo seja forte demais, enquanto os efeitos são de menos.

É claro que alguma coisa psicoativa passa ali. Mas não acho que seja a psilocibina. Os efeitos sentidos lembram mais a assinatura física de um canabidiol do que qualquer coisa de um serotoninérgico. Talvez a onda venha por simplesmente tacar fumaça no pulmão - mas se o cheiro do cogumelo fica na fumaça, mais coisa dele vai pro pulmão.

Só que é jogar cogumelo fora. Só fiz em nome da experimentação de todas as formas possíveis de ingestão que não me ofendam muito a consciência.

Anteriormente já comprovei que vaporizar não dá em nada (Vaporizar Cogumelos: Desperdício sem efeitos), menos que fumar.

E agora digo que fumar, pode-se dizer, não dá onda, ou algo fraco demais pra você desperdiçar 2 gramas de cogumelo pra não sentir nada, quando podia comê-los e ter 6 horas de efeitos...

Por fim, a coisa foi tão fraca que nem contarei como mais uma experiência de cogumelo em si. Foi apenas uma experiência de ingestão deles, pra conferir na pele o que eu já sabia: não vale a pena, jamais farei de novo.

E agora vô esperar a leve tontura ir passando aos poucos. :)

___________________

Edit: pra deixar claro, o teste foi com Cubensis, que são os mais cultivados e acessíveis. Existem cogumelos psicoativos, como o Amanita, que são psicoativos fumados. Acredito que nenhum cogumelo psilocibiano seja psicoativo fumando.
 
Última edição:

ExPoro

Psiconauta Apaixonado. Enteogenista Floyd-Gospel.
Cultivador Confiável
Cadastrado
14/04/2015
Mensagens
3,191
Soluções
1
Reputação
29
Pontos de reações
8,724
Pontos
49
Será que tem como fazer intravenoso?

Edit: não e é perigoso.

Apenas com a psilocibina pura, que é proibida no Brasil. É como se aplicam nos hospitais, etc, acho que é a forma de aplicação que fazem nos meios médicos porque é o que dá o controle preciso da dosagem.

Mas eu jamais vou tentar algo assim. Credo! kkkk

A menos que um dia faça psicoterapia dirigida e o profissional de saúde aplique em mim.
 
Última edição:

Salaam`aleik

Kal-hifa
Membro da Staff
Cultivador Confiável
Cadastrado
16/01/2014
Mensagens
1,319
Reputação
44
Pontos de reações
4,948
Pontos
56
Será que tem como fazer intravenoso?
:!: Perigo!!
Nem pense em injetar cogumelos, qualquer que seja o processo.
Não esqueça que são fungos, é material biológico e a menor possibilidade disso direto no sangue pode levar a uma complicação de saúde bem séria.
 

mrmorgan

Hifa
Cadastrado
06/08/2020
Mensagens
232
Reputação
0
Pontos de reações
516
Pontos
5
Só fiz em nome da experimentação
thanks pela pesquisa hahaha, já me perguntaram se seria possível algo assim, mas logo de cara fiquei com pé pra trás, já que não é uma erva, então nem cogitei que daria certo de verdade
 

edinho

Esporo
Cadastrado
10/06/2020
Mensagens
9
Reputação
0
Pontos de reações
10
Pontos
2
já experimentei fumando com erva, a sensação que tive era como se a erva fosse um cavalo e o cogs um cavaleiro, controlando a brisa. Não gostei muito porque era um chá bom, a brisa seria bem melhor se tivesse comido o cogs e fumado o chá
 
Cadastrado
12/04/2019
Mensagens
58
Reputação
0
Pontos de reações
128
Pontos
6
Já tinha ouvido de fumar amanitas mas cubensis é a primeira vez que fico sabendo. Pena que não rendeu muito a experiência
 

ExPoro

Psiconauta Apaixonado. Enteogenista Floyd-Gospel.
Cultivador Confiável
Cadastrado
14/04/2015
Mensagens
3,191
Soluções
1
Reputação
29
Pontos de reações
8,724
Pontos
49
fumar amanitas

É, fumar amanitas é comum (exemplo: Minhas Técnicas Pessoais de Uso). A muscarina não se degrada com o calor da queima e chega no pulmão. Já a psilocibina, que é o principal composto psicoativo dos cubensis, se degrada e só chega fumaça sem princípio ativo. Eventualmente, alguma sujeira do cogumelo também chega lá pela sucção sem ser queimada, e causa alguma sensaçãozinha de nada. É jogar cogumelo fora mesmo.
 

Matus

Hifa
Cadastrado
21/05/2016
Mensagens
121
Reputação
0
Pontos de reações
101
Pontos
15
Não sei de onde tiram que podemos fumar o cogumelo seco. Se isso for por causa de Carlos Castañeda, não passa de um equívoco:


"Para tornar-se um homem de conhecimento, a pessoa tinha de se "encontrar" com o aliado tantas vezes quanto possível; tinha de familiarizar-se com ele. Essa premissa significava, é claro, que a pessoa teria de fumar a mistura alucinógena freqüentemente. O processo de "fumar" consistia em ingerir o pó fino de cogumelos, que não se incinerava, e inalar a fumaça das outras cinco plantas que constituíam a mistura. Dom Juan explicou os efeitos profundos que os cogumelos tinham sobre as capacidades de percepção da pessoa como sendo o "aliado retirando seu corpo".

Não se sabe exatamente qual espécie ele usava do gênero psilocybe. Se formos mais a fundo nem sabemos se o que ele escreveu era de todo real, mas isso é outro assunto. Supondo que seja real esse método de domesticar o fumo. Os cogumelos eram colhidos e eram deixados num pote fechado por um ano até virar um pó fino. Certamente não eram cubensis, que são grandes e com muito material. E também é dito que esse cogumelo crescia em arbustos e troncos em decomposição, então não era coprófilo. Depois que ele virava um pó, aí sim era aspirado, sem queimar! O que queimava eram as folhas/flores que faziam parte da mistura.
 

xablausl

Hifa
Cadastrado
15/02/2019
Mensagens
12
Reputação
0
Pontos de reações
20
Pontos
5
Não sei de onde tiram que podemos fumar o cogumelo seco. Se isso for por causa de Carlos Castañeda, não passa de um equívoco:


"Para tornar-se um homem de conhecimento, a pessoa tinha de se "encontrar" com o aliado tantas vezes quanto possível; tinha de familiarizar-se com ele. Essa premissa significava, é claro, que a pessoa teria de fumar a mistura alucinógena freqüentemente. O processo de "fumar" consistia em ingerir o pó fino de cogumelos, que não se incinerava, e inalar a fumaça das outras cinco plantas que constituíam a mistura. Dom Juan explicou os efeitos profundos que os cogumelos tinham sobre as capacidades de percepção da pessoa como sendo o "aliado retirando seu corpo".

Não se sabe exatamente qual espécie ele usava do gênero psilocybe. Se formos mais a fundo nem sabemos se o que ele escreveu era de todo real, mas isso é outro assunto. Supondo que seja real esse método de domesticar o fumo. Os cogumelos eram colhidos e eram deixados num pote fechado por um ano até virar um pó fino. Certamente não eram cubensis, que são grandes e com muito material. E também é dito que esse cogumelo crescia em arbustos e troncos em decomposição, então não era coprófilo. Depois que ele virava um pó, aí sim era aspirado, sem queimar! O que queimava eram as folhas/flores que faziam parte da mistura.
Sim , muito interessante ja fumei também mais não obtive efeitos satisfatorios...

Gostaria muito de saber quais era as misturas de dom juan....

Gostaria de saber qual a planta a colher no dia dos finados?
e tudo mais ...

Eu até boto fé na historia de carlos castaneda mais nimguém há de provar !...
 

Matus

Hifa
Cadastrado
21/05/2016
Mensagens
121
Reputação
0
Pontos de reações
101
Pontos
15
Gostaria de saber qual a planta a colher no dia dos finados?
e tudo mais ...
Também conhecida como Mexican Marigold, essa planta possui funções aromatizantes na culinária. Quando fumada, ingerida em infusão de um chá ou utilizada como incenso, porém, ela teria a propriedade de induzir sonhos lúcidos. Seu uso é muito ligado às celebrações pelo tradicional Dia de Los Muertos, no México.

"27 de janeiro de 1962
Assim que cheguei à casa dele hoje de manhã, Dom Juan me disse que me ia ensinar a preparar a mistura do fumo. Fomos para os morros e entramos bem longe em' uma das gargantas. Ele parou perto de um arbusto alto e esguio, cuja cor formava um contraste marcante com a vegetação em volta. O chaparral ao redor do arbusto era amarelado, mas este era de um verde-vivo.
- Desta arvorezinha você tem de levar as folhas e as flores - disse ele. - A época
propícia para apanhá-las é o Dia de Finados (el día de las ánimas)."

"Estávamos voltando de carro para a casa dele depois de colher umas flores amarelasp paraa mistura. Eram um dos ingredientes necessários. Observei que naquele ano nãot tínhamosseguido a mesma ordem de colher os ingredientes que no ano anterior. Ele riu e disse que o fumo não era temperamental nem mesquinho, como a erva-do-diabo. Para o fumo, a ordem da coleta era sem importância; o que era necessário era que o homem que usasse a mistura fosse preciso e exato."

Nas minhas tentativas de descobrir os demais ingredientes e mistura. Claro que isso não é preciso. Imagino que sejam flores e plantas nativas do México. E que além disso tenham alguma propriedade que ajude nos sonhos. Tudo isso é apenas uma hipótese rsrs as demais plantas eu não faço idéia.
 

Anexos

  • EDIT_Tarragon.jpg
    EDIT_Tarragon.jpg
    101.8 KB · Visualizações: 2

Ochiha

Esporo
Cadastrado
05/04/2021
Mensagens
67
Reputação
1
Pontos de reações
32
Pontos
3
:!: Perigo!!
Nem pense em injetar cogumelos, qualquer que seja o processo.
Não esqueça que são fungos, é material biológico e a menor possibilidade disso direto no sangue pode levar a uma complicação de saúde bem séria.
por causa de mer...das como essas que o EUS proibiu os cogumelos. ainda bem que aqui o povo tem mais consciência
 

ExPoro

Psiconauta Apaixonado. Enteogenista Floyd-Gospel.
Cultivador Confiável
Cadastrado
14/04/2015
Mensagens
3,191
Soluções
1
Reputação
29
Pontos de reações
8,724
Pontos
49
por causa de mer...das como essas que o EUS proibiu os cogumelos. ainda bem que aqui o povo tem mais consciência

Acho que no caso é que o povo de lá e das zoropa curtem umas injetadas de substâncias bizarras que não citamos aqui. Logo, pro americano ou europeu adicto, pensar em injetar tudo que possa é mais fácil que pra nós, pobres de terceiro mundo. :) Irônico?

@ExPoro, agora falta fazer rapé :LOL:

Ps: Zueira, por favor, não tenham essas ideias.

Já fizeram. Tem relato antigo. Não deu certo, neh kkk.
 

Ochiha

Esporo
Cadastrado
05/04/2021
Mensagens
67
Reputação
1
Pontos de reações
32
Pontos
3
Acho que no caso é que o povo de lá e das zoropa curtem umas injetadas de substâncias bizarras que não citamos aqui. Logo, pro americano ou europeu adicto, pensar em injetar tudo que possa é mais fácil que pra nós, pobres de terceiro mundo. :) Irônico?



Já fizeram. Tem relato antigo. Não deu certo, neh kkk.
Verdade o povo lá se pudesse injetava até comida
 
Top